10%15%20%25%30%35%40%45%50%55%60%65%70%75%80%85%90%95%100%

Aplicativos de delivery e fast food contribuíram para a deflação de alimentos

Quem comprou alimentos e bebidas com desconto na Black Friday 2021, contribuiu com a queda nos preços. Continue aqui e saiba mais!

aplicativo de alimentos
Fonte: Google

O evento é conhecido por seus descontos espetaculares em eletroeletrônicos e é a data mais importante para os varejistas. Mas, na Black Friday 2021, essa história foi outra. Logo, com o cenário atual e alta da inflação os consumidores mudaram suas preferências. Sendo assim, produtos como alimentos e bebidas tiveram destaques nas vendas, grandes redes de fast food colaboraram para isso. Assim, aplicativos de delivery contribuíram para a deflação de alimentos em novembro.

De modo geral, os consumidores procuram adquirir eletrônicos e eletrodomésticos no período do evento. Porém, com a alta da inflação as vendas pela internet registraram uma alta na procura por itens como, comidas e bebidas. Na Black Friday 2021, os consumidores passaram a priorizar os itens essenciais. Logo, os produtos como comidas e bebidas tiveram um crescimento de 0,9%, mas vendas em novembro no período da oferta. 

Por outro lado, outros segmentos como móveis e eletrodomésticos, tiveram uma queda de 2,3%, bem como vestuário e calçados com recuo de 1,9%, seguido de combustível com 1,4% e papelaria, jornais, revistas e livros 1,4%.

Segundo um levantamento realizado pelo IBGE e medido pelo índice de preço ao consumidor amplo, os alimentos e bebidas tiveram queda no período de novembro do ano passado. 

De acordo com o levantamento, grandes empresas de fast food e aplicativos de delivery construíram com esse resultado.

Sendo assim, se o assunto chamou sua atenção você não pode deixar de ler esse artigo até o final. Então, fixe seus olhos na tela e saiba como as empresas de fast food colaboraram para a deflação dos alimentos em novembro do ano passado.

Vamos lá! 

O que diz o levantamento? 

Atualmente é comum as pessoas fazerem pedidos de comidas pelos aplicativos de delivery, e a quem opte por um lanche ao invés do almoço. Então, foi o que justamente ocorreu no período da Black Friday 2021. As grandes empresas de fast food entraram com tudo na mega liquidação, e o que era para ser uma estratégia de marketing acabou ajudando na deflação dos alimentos no mês de novembro. 

Segundo o levantamento, o preço dos alimentos e bebidas tiveram um recuo de 0,04% no mês de novembro do ano passado, após uma alta de 1,17% em outubro. Sendo assim, a avaliação realizada pelo IPCA, que é o indicador da inflação no Brasil.

Aponta que, apesar da queda nos preços de produtos e serviços ofertados aos consumidores, o índice ainda continua em alta de 7,04% até novembro e de 8,90% no período de 12 meses até novembro do ano passado. Então, assim sendo, em 2020, o grupo da havia registrado um aumento de 14,09%. 

Sendo assim, quando a pesquisa comprara outros locais de consumo, logo, o relatório aponta que alimentos fora do domicílio tiveram uma deflação de 0,25%. Portanto, isso acabou puxando a queda nos preços de lanches em 3,37%. Porém, as refeições tiveram uma alta de 1,10%, seguindo um ritmo maior que o mês de outubro. 

Qual a influência das empresas de fast food na deflação dos alimentos em novembro? 

Como vimos, hoje em dia é comum entre as pessoas solicitarem comidas por aplicativos de delivery. Na Black Friday 2021, grandes empresas de fast food entraram na mega liquidação e acabaram construindo para a deflação dos alimentos no mês de novembro. Então, o que era uma estratégia de marketing acabou ajudando na diminuição dos preços dos alimentos. Logo, devido as grandes promoções, as pessoas acabaram optando por lanches ao invés do almoço. 

Com isso, as promoções ofertadas no período entre as empresas McDonald ‘s e Burger King acabaram influenciando no resultado positivo. Então, as empresas ofereceram para os consumidores no período da Black Friday 2021, até mesmo lanches de graça, através dos programas de fidelidade. Além disso, promoções como hambúrguer Big Mac por menos de um real, foram os destaques do McDonald ‘s no período do evento. 

Sendo assim, o Burger King também trouxe suas ofertas com lanches de R$ 4,99. Contudo, outras redes de fast food como Domino ‘s, KFC e Habib’ s, acabaram participando do evento. Com isso, eles tiveram uma participação essencial na desaceleração dos preços dos alimentos em novembro do ano passado. Segundo o IPCA, o recuo nos preços dessa categoria contribuiu no resultado da inflação em novembro. 

Conclusão 

aplicativos de alimentos
Fonte: Google

Como vimos, o índice de consumo dos brasileiros na Black Friday 2021 mudou de acordo com o cenário atual. Os consumidores priorizam produtos essenciais, com isso os setores se hipermercado, supermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumos cresceram cerca de 0,9%. Aplicativos de delivery e empresas de fast food também colaboram para a deflação dos alimentos no mesmo período. 

Gostou do nosso conteúdo? Compartilhe com seus amigos, familiares e em suas redes sociais. Em seguida, retorne ao nosso blog e aproveite nosso conteúdo sobre o universo das finanças e investimentos. Esperamos por você! Memivi; melhorando a sua vida.