10%15%20%25%30%35%40%45%50%55%60%65%70%75%80%85%90%95%100%

Brasil encerra 2021 com 265.811 vagas de trabalho preenchidas! 

Segundo apontou o Caged, Brasil encerrou 2021 com 265.811 vagas de trabalho preenchidas. Confira!

vagas de trabalho preenchidas no Brasil
Fonte: Google

No último mês de 2021, o mercado de trabalho brasileiro registrou cerca de 265.811 vagas de trabalho preenchidas. Ou seja, as famosas contratações de final de ano que geralmente servem como etapa de contratação foram bem positivas. Sendo assim, o saldo na quantidade de contratações em 2021 ficou positivo em torno de 2.730.597 carteiras assinadas! 

Sendo esses dados coletados pelo Novo Cadastro Geral de Empregos e Desempregos – Caged apontou que por meio desse resultado. O ano de 2022, poderá ser ainda mais positivo apesar dos altos e baixos na inflação brasileira. Nesse sentido, já no início desse ano algumas admissões foram registradas.  

Assim sendo, apenas em 2022 cerca de 1.437.910 contratações já foram registradas. Nesse contexto, o número de desligamentos foi de 1.703.721.

Esse foi o pior resultado já registrado que ocorreu em 2020, visto que, foi um ano difícil com a chegada da pandemia e a crise! Por isso, que essas vagas de trabalho preenchidas tiveram um saldo positivo. 

Vale ressaltar que, em 2020 o Caged teve que passar por algumas mudanças importantes. Logo, os especialistas não recomendam a comparação dos dados com os do ano anterior.

Nesse sentido, as vagas de trabalho preenchidas no final de 2021 foi o melhor resultado já registrado desde a chegada da pandemia.  

Vamos lá!

Contratações pelo Brasil  

Apesar da crise no mercado de trabalho, o país chegou registrar cerca de 300.182 novas vagas de emprego no final do ano passado. Sendo assim, os analistas desse mercado estimam que em 2022 novas contratações podem ocorrer.

No mês de dezembro de 2021, as contratações para o final do ano principalmente no setor varejista foram positivas. Sendo o salário médio desses profissionais no valor de R$ 1.793,34. 

Assim sendo, outro segmento que teve um saldo positivo no número de contratações foi o setor de comércio que acabou criando em 2021 cerca de 9.013 vagas preenchidas. Mas nem tudo são flores, dentre os setores que tiveram quedas em 2021 nas contratações de final de ano está o segmento de construções com aproximadamente 104.670 demissões.  

Ainda nesse sentido, o setor industrial a queda na quantidade de contratações chegou a 92.047. Vale ressaltar que, esses segmentos seguem investindo para mudar essa realidade, mas é necessário esperar para que o quadro mude de vez.

Ademais, em algumas regiões do país alguns setores sofreram com a desaceleração ou queda nas contratações. Por exemplo, na região sul a queda nas contratações chegou à marca de 1,01%, seguido das regiões Nordeste 0,23%, Centro- Oeste 0,61%.  

Altos e baixos nas contratações  

Além dos setores de varejo e comércio, outro setor que obteve um aumento na contratação significativo foi o setor de serviços. Com cerca de 4.480 novas contratações, já a Agropecuária teve um menor rendimento esse ano. Apesar de ter as ações no mercado com os melhores resultados, o segundo semestre de 2021 para o setor foi de queda nas contratações de profissionais.  

Voltando ao segmento de serviços, em 2021 cerca de 1.226.026 novas vagas foram criadas já a indústria teve um crescimento tímido em relação a outros setores com aproximadamente 475.141 contratações de novos funcionários. Segundo a pesquisa do Caged, a região Norte teve um percentual mais significativo no percentual de vagas. 

Por fim, a região Sul do país acabou ficando com o percentual baixo na geração de novos empregos com cerca de 6,6 pontos percentuais. Vale ressaltar que, o Caged definiu o ano de 2021 como o ano que teve mais oscilações em todos os segmentos. Sendo o saldo do trabalho intermitente com um total de 91.340 vagas criadas. Já o regime temporário parcial foi de 35.637 vagas criadas.  

Projeções para as vagas de trabalho preenchidas em 2022. 

vagas de trabalho preenchidas no Brasil
Fonte: Google

Que 2021 foi um ano difícil, já sabemos! Porém, as projeções para vagas de trabalho preenchidas esse em 2022, possuem um grande potencial.

Principalmente, quando levamos em consideração que esse ano existe a possibilidade de a economia voltar a se estabilizar. Vale ressaltar que, essas contratações podem ser ainda maiores, visto que, existem as vagas onde as carteiras não foram assinadas. 

Nesse sentido, os dados das pesquisas deixam claro que houve o fechamento de contratações em pelo menos quatro dos cinco setores que influenciam a economia do país.

Apesar disso, os números obtidos em 2021 foram positivos em relação a 2020 quando o Brasil chegou a registrar cerca de 191.455 desligamentos. Sendo esse resultado, o reflexo da crise! 

Como mencionei antes, segundo o Novo Cadastro Geral de Empregos e Desempregos – Caged apontou que por meio desse resultado. O ano de 2022, poderá ser ainda mais positivo apesar dos altos e baixos na inflação brasileira! 

Gostou do nosso conteúdo? Compartilhe com seus amigos, familiares e em suas redes sociais. Em seguida, retorne ao nosso blog e aproveite nosso conteúdo sobre o universo das finanças e investimentos. Esperamos por você! Memivi; melhorando a sua vida.