Saiba como cortar ou reduzir gastos no orçamento em 2022

Organizar as despesas e ter equilíbrio financeiro é o que todos desejam, e 2022 é um novo ano, por que não novos hábitos? Continue aqui e saiba mais.
Anúncios


cortar ou reduzir gastos
Fonte: Google

Cortar ou reduzir gastos? Colocar as finanças em dia parece algo simples, mas para muitas das pessoas não é uma realidade tão fácil assim. O Brasil tem aproximadamente, 74,6% das famílias com dívidas e sem saber como mudar esse cenário. Um levantamento, realizado pela Confederação Nacional do Comércio, analisou consumidores com diferentes dívidas. Ainda, como cartões de crédito, cheque pré-datado, carnês de lojas, prestações de carro, empréstimo pessoal e seguros. 

Os números trazem a importância de que os brasileiros fiquem atentos à educação financeira. Ter organização financeira é o primeiro passo para uma vida com as contas equilibradas, realização de metas como aquisição de um imóvel. Ou mesmo, a compra de um carro, se profissionalizar em um curso caro, realizar a viagem dos sonhos. E ter a mente tranquila de quaisquer problemas financeiros. Manter as finanças organizadas geram autonomia para tomar as decisões que envolvem finanças sem gerar ou acumular dívidas. 

Após o final do ano, o início de um novo ano e novo ciclo de investimento, metas e impostos para serem renovados, começamos a nos questionar ainda mais. Ou seja, quando começamos a nos organizar. Depois dos gastos do final do ano e fazemos as renovações dos planos e criamos metas para esse novo ano. 

E por não ter um planejamento muitas metas não saem do papel. Muitas vezes as pessoas não sabem como cortar gastos e organizar as contas anuais e mensais para poder folgar o orçamento e ter autonomia na hora de tomar decisões que envolvem suas finanças.

E é por isso, que vamos deixar algumas opções para você poder cortar ou reduzir gastos que podem te ajudar a aliviar o orçamento e você possa começar 2022 tranquilo, sem estresse. 

Mas por onde começar a cortar ou reduzir gastos? 

Cortar ou reduzir gastos parece ser uma tarefa difícil, já que você está habituado àquela rotina, mas não é impossível e podemos pôr em prática. O primeiro passo é cortar compras supérfluas, coisas que normalmente você não precisa, produtos em excesso ou promoções que te chamam a atenção e você compra por impulso, mas, não está incluso no seu orçamento e pode causar um desequilíbrio nas suas despesas. 

Compras de supermercado; calma, não é você deixar de comprar comida, porém, sempre que você for ao supermercado opte por fazer uma lista do que realmente é necessário comprar. Não só na hora de realizar pequenas compras, mas quando for fazer grandes compras também.

Da mesma maneira que as pessoas realizam compras por impulso pela internet, presencialmente esse costume persiste, e o mesmo costume leva as pessoas a pegar o produto nas mãos, sentir a textura e o cheiro. O que leva as pessoas com fome, a consumir durante as compras levando suas compras a sair mais cara do que o previsto. Por isso a importância da lista para evitar compras desnecessárias. 

Os deliverys de comida igualmente ao supermercado pode ser um transtorno. Cortar ou reduzir gastos com pedidos de comida vai ajudar a economizar dinheiro e aliviar no orçamento.

Afinal de contas, comer na rua não é barato e acaba saindo mais caro do que comprar os ingredientes e preparar a comida em casa. Pedir comida por apps de delivery é mais caro ainda, pois, é incluso valores de entrega e embalagem, e os preços também mais altos que nos restaurantes. O negócio é reduzir gastos para organizar as finanças. Aproveite para aprender aquele prato que você tanto gosta. 

A comodidade é aliada dos gastos 

A comodidade, e a facilidade de estar em casa e receber o que comprar ou até mesmo ter tudo sem sair de casa, contribui com os gastos mensais, que por sua vez tem uma vasta opção de serviços que muitas vezes é vista como conforto e distração do dia a dia, onde acabam aumentando a fatura do cartão de crédito, mas tem como cortar ou reduzir gastos. 

Serviços como a praticidade de ter um carro na hora que você precisa, o uso de carro de apps é hoje muito mais usado que táxi, por ter preços acessíveis, além do conforto e comodismo, é um exemplo de gasto que no final pode se tornar um grande vilão. O valor da viagem é acessível, mas já parou para analisar a fatura no final do mês para ver quanto gastou? Isso mesmo, no final o somatório acaba sendo o vilão da sua fatura porque não rever o gasto para reduzir e economizar por aí. 

Outro serviço muito usado são os planos de streaming, com uma grande variedade pela Internet e pagos os streamings dá um conforto de estar em casa e se distrair, com uma vasta opção para escolher o que quer assistir. Mas já parou para pensar se você realmente assiste tudo o que tem contratado? Analise se realmente é necessário ter tanta coisa ao mesmo tempo. 

Conclusão 

cortar ou reduzir gastos
Fonte: Google

Cortar ou reduzir gastos, logo de cara pode não ser a solução, mas são pequenos valores que quando somados acabam levando todo seu dinheiro. Cortar gastos pode ser visto como uma medida drástica, mas você parar para analisar dá pra cortar e reduzir muitos gastos e ainda ser algo bom. 

Compras em excesso, coisas que acabamos não usando, gastos supérfluos podem ser cortados. Para quê pedir comida quando você pode se reinventar e aprender, e porque não melhorar a saúde indo trabalhar de bicicleta ou fazendo uma pequena caminhada até ao mercado. Tem coisas que além de economizar pode fazer um bem imenso, pense nisso, reavalie suas necessidades. 

Gostou do nosso conteúdo? Compartilhe com seus amigos, familiares e em suas redes sociais. Em seguida, retorne ao nosso blog e aproveite nosso conteúdo sobre o universo das finanças e investimentos. Esperamos por você! Memivi; melhorando a sua vida.