Google rompe com Apple; quais as consequências?

O mundo da tecnologia está cada vez mais em movimento, mais surpresas, mais inovações, mais comodidade e tudo isso faz com que os ramos tecnológicos saiam na frente e conquiste a vida de muitas pessoas.
Anúncios


Fonte: Google

A Google rompe com a Apple. Esse é o assunto desse artigo e nós iremos te explicar o motivo. A Google é uma empresa que comanda vários assuntos e entre eles desenvolveu vários aplicativos que são essenciais para os celulares de hoje em dia. São aplicativo que salvam a vida dos seus usuários.

Por outro lado, a Apple também é uma empresa muito poderosa. Afinal, é detentora das melhores tecnologias em smartphones e notebooks do mercado tecnológico mundial. Afinal de contas, um celular da Apple é o sonho de muitas pessoas.

O intuito desse artigo é informar a você leitor que a Google rompeu com a Apple, sim. A Google abandonou uma ferramenta que pertence a Apple e que faz o rastreio de navegação dos usuários dos smartphones da marca. Aqui nesse post explicaremos tudo o que aconteceu! Vamos acompanhar!?

Google rompe com Apple: O que realmente aconteceu?

Os aparelhos da Apple, mais conhecidos como Iphone usam os apps da empresa Google. Como por exemplo o YouTube, que é a plataforma de vídeos gratuitos mais acessados no mundo! Os iphone também usam o Maps, leitor de voz, entre outros benefícios em aplicativos que a empresa oferece.

Assim, no início desse ano, a Google informou através de uma publicação em um blog que está deixando a ferramenta da Apple que permite que o usuário personalize os anúncios, por exemplo, fazendo assim com que os usuários deixem de receber uma notificação informando que a sua navegação está sob rastreamento.

IDFA, é o nome de ma ferramenta que a empresa Apple já fornece aos seus aplicativos há anos, essa ferramenta faz o papel de um identificador oficial da marca que faz com que o usuário fique ligado a vários programas ao mesmo tempo. Isso é fantástico!

Com o rompimento, a Apple ainda terá a oportunidade de informar aos seus usuários dos aplicativos sobre o rastreio. A empresa fará o processo através de mensagens no formato pop-up.

Google rompe com Apple: Esse rompimento pode prejudicar outros apps?

Sim, uma empresa que pode ser prejudicada é o Facebook, pois ela e ainda outras empresas do ramo de aplicativos não estão sossegadas. Assim, O rompimento pode prejudicar esse aplicativos de forma que com essa solicitação de aceitação do rastreio pode prejudicar as vendas de anúncios que são vinculados nesses aplicativos.

Fonte: Google

Sendo assim, as modificações feita pela empresa dos iphones não iria prejudicar o foco principal das publicidades, pois as pessoas que usam os apps da Google estão sempre conectados em seus aplicativos.

A Google está desenvolvendo uma ferramenta que faça o mesmo papel da ferramenta que foi deixada para trás, mas os administradores da Apple insistem em dizer através de postagens que os usuários que não terão mais acesso a essa ferramenta terão um funcionamento mais lento.

Mas o qual é o papel dessas ferramentas?

Bem sabemos que a tecnologia tem movido as nossas vidas através de vários meios. Na área da saúde por exemplo, a tecnologia está presente na maioria dos exames médicos, no cadastro das informações dos pacientes e até mesmo no acompanhamento diários dos mesmos.

No mesmo jeito na educação, a prova para isso é a pandemia, pois mesmo com a tecnologia bem presente nas escolas, com a chegada do isolamento social os alunos tiveram que estudar através de várias plataformas de sistema on-line.

O assunto tratado nesse artigo, trás respeito a informações pessoais guardadas virtualmente. A ferramenta que foi deixada para trás diz respeito ao rastreiamento dos smartphones dos usuários. Logo, vemos vários casos nos noticiários de pessoas que tiveram suas informações roubadas por racker’s.

As ferramentas digitais nos auxiliam bastante, elas criam nossas listas de atividades, nos alertam sobre vários riscos do nosso dia a dia. Assim, acabamos nos tornando dependentes virtuais da tecnologia.

É importante que tenhamos cuidado com as nossas informações que lançamos na rede, com as solicitações que aceitamos. As ferramentas tratadas no texto são seguras, nós conhecemos as marcas que as criaram, mas tenhamos cuidado com as solicitações que chegam do nada e acabamos nos enganando.

Fique sempre atento! Esperamos que tenha gostado do nosso artigo, esperamos também que ele tenha lhe ajudado bastante. Compartilha aí com todo mundo e depois volta para dar uma olhadinha em nosso site, tem vários assuntos que podem lhe instigar a conhecer mais. Estamos lhe esperando! Até logo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *