10%15%20%25%30%35%40%45%50%55%60%65%70%75%80%85%90%95%100%

Índice “turnover”: o impacto financeiro nas empresas! 

Entenda como funciona e qual o impacto financeiro do índice turnover para empresas brasileiras. Saiba mais aqui!

índice turnover
Fonte: Google

Controlar o aumento da rotatividade de pessoal tem sido um grande desafio para muitas empresas brasileiras. Além disso, o impacto financeiro do índice turnover acaba prejudicando o desempenho das companhias brasileiras. Gerando impacto negativo na economia nacional, prejudicando a economia do país! 

Na prática, a retenção de talentos não é fácil de ser executado o que acaba contribuindo para que o impacto do índice turnover se torne um pouco maior. Ou seja, a entrada e saída de profissionais de uma companhia acaba gerando um aumento na rotatividade dessa empresa.  

Simplificando, o impacto financeiro do índice turnover além de trazer um aumento na rotatividade da empresa. Acaba gerando riscos desnecessários para a companhia, ainda nesse contexto, as novas contratações e período de adaptação dos novos funcionários. Acaba contribuindo para que a empresa perca a sua produtividade. 

Então, nesse artigo você vai entender como o impacto financeiro do índice turnover é importante. Pois, segundo as suas projeções o empresário poderá tomar decisões mais claras para evitar demais prejuízos financeiros. Além de evitar o comprometimento do desempenho da empresa! 

Tipos de turnover 

Segundo especialistas, o pior tipo de turnover que existe é o turnover disfuncional que geralmente acontece em situações onde o profissional. Que possui importância para a empresa pede o seu desligamento da companhia, esse pedido revela o erro. Cometido na estratégia de retenção de profissionais capacitados para trabalhar na companhia.  

Ainda nesse sentido, o desligamento do profissional acaba gerando uma queda no desempenho da empresa. Visto que, o funcionário é relevante para a empresa de uma maneira geral. Já o turnover funcional, é a melhor categoria de turnover, pois, geralmente costuma acontecer quando um profissional que apresenta um mau desempenho na empresa pede desligamento. Portanto, após o pedido e o desligamento do colaborador a equipe poderá se renovar com profissionais motivados.  

Ou seja, uma equipe com profissionais que possuem o mesmo objetivo cresce facilmente. Além disso, o desligamento do profissional que possui um mau desempenho contribui para a redução dos custos. Visto que, o profissional solicitou o desligamento, desse modo, a empresa não precisa arcar com os gastos relacionados a suspensão de contrato, por exemplo. Nesse sentido, ainda existem o turnover voluntário e o turnover involuntário cada uma dessas categorias revelam um cenário de crise pela qual a empresa pode passar. 

Como calcular o turnover? 

Na prática, esse cálculo é bem simples, apesar de ser associado a outras métricas importantes. Sendo essas outras métricas importantes para definir uma, análise apurada da situação da companhia o cálculo do turnover é realizado da seguinte maneira. Admissão mais a demissão dividida por dois o índice pode usar uma empresa que possui 50 profissionais, por exemplo. Sendo 10 desses colaboradores contratados e 4 desligados, assim o cálculo é realizado a taxa geral de retenção avalia a quantidade de profissionais que permanecem na companhia. 

Sendo assim, a empresa que mantém os seus funcionários a longo prazo acaba se fortalecendo. Pois, além dos gastos com o desligamento existe o tempo para que o novo profissional se adapte a empresa. Ou seja, a fase de treinamento, já a taxa geral de rotatividade é diferente da taxa geral de retenção.  

Nesse sentido, a taxa geral pode ser utilizada para definir a satisfação dos seus funcionários. Portanto, quanto menor for a taxa significa que os profissionais estão satisfeitos com a empresa. Ao contrário da rotatividade voluntária, a rotatividade involuntária acontece quando o funcionário é forçado a sair da empresa. Vale lembrar que, essa situação pode acontecer por vários motivos diferentes! 

Impacto financeiro do índice turnover 

índice turnover
Fonte: Google

Agora que você já sabe como funciona e como calcular o impacto financeiro do índice turnover, ficará mais fácil entender os motivos pelo qual o cálculo é utilizado na empresa. No entanto, não é fácil dizer o que pode ser considerado um turnover alto. Pois, como você pôde perceber existem categorias de turnover e cada uma delas possui a sua própria definição.  

Então, é importante verificar sempre que for possível o que contribuiu para que o turnover ocorresse. Além das condições oferecidos pelo profissional, em determinados tipos de turnover. Ainda nesse contexto, a insatisfação com o salário; problemas com colegas de trabalho entre outros motivos! 

Assim como mencionei antes, a alta rotatividade de pessoal tem sido um grande desafio para muitas empresas brasileiras. Além disso, a retenção de talentos não é fácil de executado o que acaba auxiliando o impacto do índice turnover se torne ainda maior. Por isso, é importante entender o motivo do turnover, assim, o empresário poderá tomar decisões mais claras para evitar demais prejuízos financeiros. 

Gostou desse artigo? Compartilhe com os seus amigos e familiares, depois volte e acompanhe as novidades relacionadas ao mundo das finanças! Memivi.