Linguagem corporal no trabalho, seu trunfo nas entrevistas.

Confira como a linguagem corporal pode ajudar as pessoas em entrevistas de emprego. Leia o texto na íntegra e aproveite algumas dicas incríveis.
Anúncios


Fonte: Google

O nosso corpo fala! Certamente você já ouviu essa expressão. De fato o ser humano é capaz de falar sem o uso das palavras, apenas com gestos e movimentos do próprio corpo. Logo, a linguagem corporal pode passar mais confiança em diversas situações ao longo de nossas vidas, ainda mais em uma entrevista de trabalho. Afinal, saber se posicionar corporalmente gera ao entrevistador a imagem de alguém muito capaz, assim como o contrário.

Atualmente, os processos seletivos nas empresas estão cada vez mais exigentes; são várias etapas contendo testes psicológicos, provas e entrevistas pessoais. Portanto, o contato é uma das partes mais importantes pois o nosso corpo as vezes fala mais que nossas próprias palavras. Então, neste momento o profissional que conduz a entrevista, fica atento a todos os sinais; e faz o julgamento se o candidato está apto ou não a ocupar determinada vaga.

Especialistas afirmam que não basta vestir-se bem, treinar falas bonitas, estudar a cultura ou ramo de atuação da empresa na qual pretende trabalhar. Sendo assim, fazer uma entrevista afirmando estar preparado para ocupar o cargo, e gesticular demais pode causar impressão contrária.

Embora em muitos casos o entrevistado tem muito potencial, além de uma carreira de sucesso brilhante pela frente, porém fica nervoso em momentos como este.

No entanto, segundo Ray Birdwhistell, antropólogo que iniciou o estudo não verbal conhecido como “Cinésica”; onde disse que durante uma conversa cara a cara, palavras ditas correspondem a menos de 35% do diálogo. Em outras palvras , movimentos com as mãos e pernas, as expressões do rosto, podem transmitir mais do que muitas palavras.

Portanto, estes são fatos importantes no momento de uma entrevista de emprego, que irão aumentar ou não as chances. seja pessoalmente ou através de vídeo.

Veja como passar mais confiança durante entrevistas de emprego.

Especialistas dizem que apenas 7 segundos é o suficiente para alguém causar a primeira impressão. Sendo assim, pessoas que têm mais dificuldades, não consegue manter a calma durante entrevistas, precisam praticar o uso da linguagem corporal.

Então, confira algumas dicas que podem ajudar você a se sair bem em processos seletivos de emprego. veja a seguir algumas dicas:

Postura – Sentar se de qualquer maneira pode mostrar falta de confiança e também desrespeito com entrevistador. Sendo assim, a forma adequada é sentar se na beira da cadeira, com uma postura reta e inclinando se para frente. São ações simples que transmitem uma boa linguagem corporal.

No entanto, se a entrevista for por vídeo, também é preciso cuidado. Então posicione a câmera no nível dos olhos e de forma que dê  para enxergar da cintura para cima.

Movimentos – Como dito, ficar nervoso durante uma entrevista de trabalho é natural. Mas certos movimentos podem atrapalhar. Então evite enrolar o cabelo, balançar as pernas, gesticular demais com as mãos.

Além disso, passar muitas vezes as mãos no rosto ou na cabeça, enfim. São atitudes que causam impressões ruins, inclusive tocar demais a face pode ser considerado desonestidade.

Celular – Mexer no celular enquanto aguada ser chamado é bastante comum. Porém, o candidato deve tomar cuidado, afinal pode estar sendo observado mesmo antes de ser atendido; então não adianta ter boa postura no momento da entrevista.

Assim, uma vez que anteriormente estava sentado de qualquer jeito na sala de espera, assistindo vídeos e dando risadas. Por isso, muito cuidado com a “olhadinha” inofensiva no celular, isso pode contar pontos negativos.

Linguagem corporal no trabalho: dicas valiosas

Excesso – Acredite sorrir demais é capaz de atrapalhar o candidato durante uma entrevista! De acordo com estudo realizado pela área de psicologia da “Northeastern University”, sorrir demais pode ter um efeito negativo para os entrevistados.

Principalmente se for para cargos mais sérios, mas isso não significa que não possa sorrir, o problema aqui será o excesso.

Escuta ativa – É importante que o candidato à vaga de emprego, demonstre interesse e preocupação com o entrevistador. Sendo assim, é importante ouvir atentamente a maneira que a pessoa fala, com a linguagem corporal, também com expressões faciais.

Além disso, durante o diálogo, é preciso manter a concentração. Assim, evitando concordar balançando a cabeça e nunca, jamais faça o sinal de “joinha”. Para isso, o mais indicado é concordar falando “entendo”, “eu conheço”, “compreendo” e outros.

Fonte: Google

Linguagem corporal no trabalho: Conclusão

Por fim, se você passar em algum processo seletivo, e conseguir a tão sonhada vaga, saiba que o desafio não acabou; na empresa a sua postura vai continuar sendo observado, além de gestos, ações e falas. Por isso, mantenha o foco, demonstre a experiência e potencial que foi informado durante a entrevista.

Também observe os novos colegas, evite se envolver em grupinhos e principalmente, em fofocas! Estes são alguns passos para quem deseja sucesso no trabalho.

Gostou do nosso artigo? Então, não deixe de compartilhar em suas redes sociais, com os seus amigos e ainda com os seus familiares. Em seguida, aproveite outros conteúdos para entender melhor sobre finanças, investimentos e conhecer serviços como, por exemplo; cartões de crédito, conta digital e empréstimo, tudo aqui em nosso blog.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *