Magalu, a empresa que não para de crescer.

Magazine Luiza anuncia aquisição da Startup em tecnologia, VipCommerce que processa mais de R$ 240 milhões de vendas por ano. Saiba tudo agora!
Anúncios


Fonte: Magalu

Por estarmos no mês das mulheres, antes de falarmos da nova aquisição da Magazine Luiza; trouxemos para você leitor, um pouquinho da história de Luiza Helena Trajano, a dona do Magalu. De acordo com a revista Forbes, Luiza Trajano está entre as 3 mulheres mais poderosas do país; que começou a trabalhar muito jovem, com apenas 12 anos, como balconista em uma loja dos tios.

Após alguns anos, Luiza Helena a sobrinha que começou atendente de balcão, adorava o que fazia e com 18 anos foi efetivada. Formada em Administração de empresas e Direito, Luiza havia passado por diversos setores na organização, e foi no ano de 1991, que ela recebeu o comunicado do seu tio, que seria o momento de assumir o comando da empresa.

A Doutora e administradora Luiza Helena, aceitou o enorme desafio e viu sua carreira decolar e em 2008 se tornou a presidente do grupo. Lendo esse breve resumo parece simples, mas foram anos de dedicação, amor pelo trabalho e empenho, que permitiram que Luiza transformasse os negócios da família em um verdadeiro império.

Atualmente, com um modelo de negócios em plataforma de vendas on-line e pontos físicos, a Magazine Luiza é uma das maiores rede varejistas do mercado, e possui mais de 1100 lojas em todo Brasil.

Ao longo dos anos a empresa fez várias aquisições, também possui, cartão de crédito próprio, consórcio, carteira digital MagaluPay, além da fintech de pagamento Hub Prepai, e agora o anúncio da compra da Startup VipCommerce. Quer saber mais sobre essa novidade?

Veja a seguir os pontos mais importantes sobre este assunto.

Confira os detalhes do Magalu – VipCommerce.

A Magalu anunciou a compra da Startup que faz o processo de milhares de vendas anualmente, uma aquisição que faz parte do plano de digitalização da empresa. A plataforma de tecnologia é um modelo de SaaS (Software as a Service). Uma tecnologia totalmente digital, no qual a empresa não necessita de instalação e atualização de Software ou Hardwares, além de possuir um acesso bastante simples.

O valor da aquisição não foi anunciado, apenas que a tecnologia da VipCommerce atualmente é a solução completa de mais de 100 redes do segmento de supermercados, em 18 estados brasileiros. A empresa fica na cidade de Belo Horizonte/MG, garante sucesso nas vendas pela internet, com modelo de loja virtual disponível para smartphone, tablet, desktop e um moderno app personalizado.

Não apenas loja on-line, mas a plataforma oferece serviços que incluem gestão do processo de pedidos. Ou seja, desde a compra do produto, até a entrega. De acordo com a própria varejista, no comunicado enviado à CVM, a compra da VipCommerce, vai permitir que milhares de lojas de supermercados junte forças com a Magalu. Além disso, a empresa afirmou que essa transação é mais uma etapa no processo de digitalização do varejo no Brasil, que dará suporte ao Magalu Pagamentos e Magalu Entregas.

Novos horizontes

Fonte: Magalu

Com essa aquisição a Magalu entra também para o mercado de e-commerce de alimentos, com foco em vendas on-line. A varejista pretende expandir ainda mais os negócios focando em entrega de produtos alimentares diretamente na casa dos clientes. Logo, este é um setor de forte expansão, e tem ganhado força principalmente durante a pandemia, apenas em 2020 este segmento apresentou um crescimento de 40% em comparação ao ano anterior.

Sendo assim, essa nova compra fará com que a Magazine Luiza “desfrute” também deste bom momento. E como a empresa informou, através do VipCommerce, irá unir forças com milhares de supermercados de várias partes do Brasil. Além disso, a plataforma oferece, Layout de acordo com a marca do cliente, moderno app, ferramentas anti fraudes, lista de compra e receita.

Essa não é a única compra que a Magalu faz voltada para o segmento de alimentos, em setembro de 2020 a empresa comprou a plataforma digital AiQFome, para atender 350 cidades, e cerca de 2 milhões de clientes, além de 17000 restaurantes. O modelo dessa Startup é distinto de aplicativos comuns que fazem entrega de comida como, iFood, Uber Eats e Rappi, pois o app é responsável somente por intermediar as encomendas e pagamentos de refeições, já a entrega é por conta do restaurante.

Conclusão.

Por fim, a Magalu tem mostrado “que não está para brincadeira”, apenas em 2020 fez 11 aquisições de diferentes tipos. Alguns nomes são “Estante Virtual”, comercio on-line de livros, “Stoq”, inovações para varejo, “HubSale”, uma plataforma inteligente com soluções em negócios digitais, “Canaltech”, é um site com informações de jogos, entrevistas, notícias e muito mais. Por último, em dezembro de 2020, a empresa comprou a Hub Prepaid, uma fintech / serviços financeiros.

Gostou do artigo? Compartilha com seus amigos, familiares e em suas redes sociais. Por fim, retorne ao blog e leia outros artigos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *