Novo golpe na modalidade de pagamento PIX!

Golpistas atraem vítimas com falsas promessas de descontos na modalidade de pagamento PIX. Fique por dentro!
Anúncios


modalidade de pagamento PIX
Fonte: Google

A modalidade de pagamento PIX está sendo utilizado por golpistas, que estão atraindo vítimas com falsas promessas de descontos em suas faturas. Desde a chegada da pandemia do novo coronavírus, boa parte da população acabou se endividando, o que despertou nos golpistas a ideia de utilizar o PIX para novos golpes.  

Os golpistas estão usando o SMS para atrair as suas vítimas, eles costumam entrar em contato com as vítimas informando a existência de um desconto na fatura do cartão de crédito, por exemplo. Segundo informações da empresa de segurança Kaspersky, os criminosos entram em contato com a vítima afirmando ser a operadora de cartão de crédito, trazendo mais uma oportunidade para que o cliente possa ter um desconto fazendo o pagamento pelo PIX. 

Então o golpe, acontece quando os golpistas informam a vítima que para receber o desconto, elas precisam acessar o site do cartão de crédito e preencher os dados como CPF, bandeira do cartão, os quatro últimos dígitos do cartão e a quantia exata da fatura, em seguida a suposta página oficial informa para a vítima uma chave da modalidade de pagamento PIX para onde a quantia com desconto deverá ser enviada.  

Mas não acaba por aí não! Ainda segundo a empresa de segurança Kaspersky, no mês de julho alguns criminosos passaram a usar o nome de operadoras de telefonia, espalhando a promessa de descontos na fatura do celular. Neste golpe, a modalidade de pagamento PIX é informada na mensagem. Segundo Fabio Assolini, analista sênior da Kaspersky no país, estes golpes por SMS costumam ocorrer com frequência no Brasil. Vale ressaltar que, tendo em vista a popularidade e a eficácia do PIX, acabaram chamando a atenção dos golpistas.  

Mensagens enviadas por números curtos  

Para o analista, o ponto que chama mais a atenção nestes golpes é que as mensagens são enviadas por um número curto, similar ao que as instituições financeiras e operadoras de cartão de crédito utilizam para falar com os seus clientes. 

Os golpistas contratam serviços de SMS em massa para enganar as vítimas, ainda segundo Assolini este é o pior ponto, isso porque, os clientes acreditam de fato ser a operadora ou o seu banco que está entrando em contato e desta forma os golpistas vem fazendo muitas vítimas.  

Alguns criminosos conseguem enviar as mensagens através do código das empresas de telefonia, bancos ou operadoras de cartão de credito. Sendo assim, o texto do golpe acaba se misturando no histórico de mensagens autenticadas de uma operadora ou instituição financeira, por exemplo.  

Popularidade da modalidade de pagamento PIX 

A modalidade de pagamento PIX, é uma forma de transferência criada pelo Banco Central que tem como principal objetivo, facilitar a vida dos brasileiros, a proposta do PIX é de funcionar 24 horas por dia, sete dias por semana, inclusive em feriados importantes. Diferente do DOC e TED, por exemplo, que são modalidade de pagamento bastante conhecidas pelos brasileiros, nestas modalidades de pagamento o cliente costuma pagar uma taxa que pode variar de acordo com cada instituição financeira. 

Devido a facilidade, rapidez e agilidade do PIX a sua popularidade foi unanime entre os brasileiros, além de ser muito mais econômico para os donos de pequenos negócios. A modalidade de pagamento PIX, pode ser substituída por outras modalidades de pagamento e dinheiro em espécie. 

Geralmente o pix é usado entre pessoas, as chamadas transações P2P; entre estabelecimentos ou transações B2B; entre estabelecimentos comerciais e pessoas, ou seja, com o PIX você consegue descomplicar a sua vida. Portanto, todas essas qualidades na modalidade de pagamento acabaram atraindo a atenção de criminosos devido a sua facilidade.  

Como precaver esse tipo de golpe? 

modalidade de pagamento PIX
Fonte: Google

Bem, as orientações dos analistas para evitar cair nestes golpes cada vez mais frequentes, é antes de mais nada entrar em contato com os canais oficiais das empresas, como, por exemplo, telefone ou portal do cliente, para verificar se a promoção realmente existe.  

Preste bem atenção ao link das mensagens que são enviadas, pois, elas podem indicar de fato que aquele conteúdo não é o verdadeiro. Verificar se o endereço é o mesmo utilizado pela empresa na qual você tem uma conta aberta, para isso você poderá entrar em contato com o seu banco ou operadora de cartão de crédito.  

Caso você acesse o site da operadora de cartão de crédito ou da instituição financeira e mesmo assim estiver com dúvidas se aquele é de fato o site oficial, a melhor decisão é não fornecer os seus dados pessoais, nem utilizar este endereço para fazer qualquer tipo de pagamento. Opte pelos aplicativos existentes no seu celular que podem ajudar a analisar estes links suspeitos!  

Gostou do nosso conteúdo? Compartilhe com seus amigos, familiares e em suas redes sociais. Em seguida, retorne ao nosso blog e aproveite nosso conteúdo sobre o universo das finanças e investimentos. Esperamos por você! Memivi; melhorando a sua vida.