Pandemia 2021, projeções são nocauteadas pela Covid-19

Devido a pandemia o produto interno bruto da brasil pode crescer menos afirmam especialistas. Entenda!
Anúncios


pandemia 2021 mercado expectativas
Fonte: Google

O ano de 2021 foi  esperado por muitos brasileiros e considerado como o ano em que toda essa situação causada pela Pandemia do Covid-19 fosse ter um fim definitivo. Contudo embora tenhamos começado o ano com expectativas positivas diante do cenário econômico atual analistas é preciso ter cautela.

Desse modo, com a chegada da Nova Onda da Pandemia o cenário deve permanecer o mesmo, apesar da vacina. Contudo os especialistas em economia seguem tentando conciliar o pior momento desta crise sanitária, com juros maiores com as instituições financeiras que revisam suas projeções para o produto interno bruto (PIB).

Portanto, com algo aproximado de 3% já os mais pessimistas preveem crescimento em apenas 2% este ano considerando os Juros e Taxas altos mesmo diante do crescimento do Empreendedorismo Digital.

Portanto é importante estar atento as revisões de bancos importantes como Barcleys, Credit Suísse dentre outros com a elevação da taxa Selic de 0,75 pontos percentuais o banco central afirmou que a fase na alta dos juros será mais intensa do que o esperado, todavia os juros mais altos cooperam na redução da atividade.

Sendo assim as instituições financeiras apontam que as restrições provocadas pela Pandemia 2021 é o motivo. Pelo qual estas reavaliações seguem sendo feitas com todo cuidado, todavia os juros altos e a Pandemia conectados seguem trazendo muitos transtornos.

Sendo assim os juros sobrem com a alta da inflação dessa forma o aumento do preços explicado considerando também o dólar que segue em alta aumentando o risco brasil.

Expectativa para economia em 2021

Contudo o BC modificou a expectativa com relação a economia deste ano de 3,8%  para 3,6% é que diz o relatório do trimestre da inflação deste ano. Ainda assim segundo a instituição financeira essa decisão conduziu-se pela incerteza sobre a economia. Embora a expectativa de Economia em Alta em função do início da imunização com a vacina a crise deve continuar pelo menos até boa parte das pessoas estarem vacinadas.

Todavia as projeções das instituições financeiras e especialistas do país para a economia, revelou que o mercado financeiro iniciou o ano de 2021 na expectativa de Economia em Alta de 3,41% do PIB no país esta previsão foi feita em janeiro de 2021, devido as quedas nestes primeiros meses, os economistas esperam avanço de 3,18%.

Contudo o Empreendedorismo Digital segue em alta tendo no país como no mundo, as consequências da Pandemia 2021 fizeram com que a aceleração da massificação da tecnologia chegasse mais rápido do que o esperado pelo especialistas em tecnologia. Todavia muitas empresas tem investido em  Empreendedorismo Digital pois as vantagens são muitas por exemplo flexibilidade, qualidade de vida são dessas vantagens

Projeções do Credit Suisse

economia pandemia
Fonte: Google

A instituição financeira Credit Suisse tornou a reduzir neste semana exibiu o crescimento de 3,7% do PIB para 3,2% neste ano e também de 2,9% para 2,4% no ano de 2022 a justificativa do banco foi de que o ciclo de alta nos juros está mais forte este ano do que o esperado, a inflação segue em ritmo acelerado e agravamento da Pandemia 2021 outros três fatores devem ter um impacto maios na economia do que esperado para os economistas.

Contudo a reintegração das atividades na economia observada pelos economistas desde o terceiro trimestre do ano passado(2020), será interrompida temporariamente interrompida em março de 2021 com a retomada das medidas de distanciamento social com chegada da segunda onda da Pandemia.

Portanto com inflação pressionada os especialistas seguem na expectativa de taxa Selic permaneça em 0,75 ponto percentual nas próximas reuniões do Copom deve-se levar a taxa para 6,5% no fim de 2021 este ponto percentual deve ser mantido pelo ano de 2022. Todavia ainda segundo os especialistas o Banco Central não vai conseguir executar uma normalização parcial e precisarão aumentar a taxa que mantém a inflação

Revisão do cenário pela barcleys

Todavia segundo um estudo feito pelo banco britânico barcleys a América Latina segue sofrendo com os feitos da Pandemia, sendo assim é relevante afirmar que o brasil vive uma situação um pouco mais dramática dentre os países da América Latina diante dos Juros e Taxas que a economia brasileira tem enfrentado durante este período de crise. Dessa forma segundo o banco o crescimento do país será mais fraco que o previsto.

Contudo os dados das atividades econômica do brasil ficaram acima das projeções no quarto trimestre de 2020 e no mês de janeiro de 2021, ainda assim essa tendência positiva não se manterá ou seja a expectativa de Economia em Alta permanece para os anos seguintes. Diante da piora das condições financeiras devido a rodada de lockdowns

Portanto o banco britânico fez uma revisão da expectativa para o PIB do ano de 2021 de 3,5% para 3,2%, contudo se estas previsões estiverem corretas o brasil pode ficar no holofote do crescimento econômico relacionado aos seus pares. Sendo assim conforme o estudo do barcleys prognostica alta de 5% para o PIB no méxico, 6% na colômbia, 8,8% no peru e 7,5% para o chile.

Gostou do nosso conteúdo? Compartilhe com seus amigos, familiares e em suas redes sociais. Em seguida, retorne ao nosso blog e aproveite nosso conteúdo sobre o universo das finanças e investimentos. Esperamos por você! Memivi; melhorando a sua vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *