Conheça as piores crenças limitantes sobre dinheiro.

Existem muitos motivos que têm levado pessoas a se deprimirem. Além das adversidades da vida, há muitos casos de pessoas com problemas financeiros. Por isso convidamos você a ler este artigo e abandonar certos pensamentos.
Anúncios


Fonte: Google

Quem nunca ouviu alguém dizer que o salário não durou até a metade do mês? De fato, chegar ao fim do mês e com saldo positivo, ter um dinheiro sobrando na conta, é realmente um privilégio.

Outro exemplo são as pessoas que moram de aluguel, viver assim pode ser opcional. No entanto, o principal motivo é a falta de recursos para compra da casa própria. 

São muitos os casos e histórias de pessoas que estão com algum tipo de dificuldade financeira. A princípio, alguns acreditam que viver com o orçamento apertado está relacionado a sorte ou destino, mas em boa parte as crenças em relação ao dinheiro limitam a mente de muitos.

As crenças limitantes são tão prejudiciais, que impede as pessoas de alcançar sucesso na vida financeira. Porém, a maneira de como lidamos com dinheiro tem relação com certos pensamentos. Leia o artigo até o final e pare de encarar dinheiro como um grande problema.

Crenças e pensamentos que limitam a vida das pessoas na forma de lidar com o dinheiro.

Em muitos casos esses fatos tem relação com a cultura, ou seja, com a educação de cada família. É provável que parte dos adultos hoje, ouviram seus pais falando de determinados assuntos e cresceram acreditando nessas “verdades”.

Melhorar nossas finanças parece uma realidade distante, mas o dinheiro faz parte de nossas vidas, a maneira que nos relacionamos com ele fará toda diferença.

Vou morrer pobre, nasci assim!

Se essa fosse a lei da vida seria muito triste. Óbvio que nascer em uma família muito bem sucedida, em berço de ouro como são conhecidos é meio caminho percorrido. Entretanto, o sol nasce para todos. Ou seja, existem muitas oportunidades e para todas as classes sociais, conhecemos pessoas   que não nasceram ricas e hoje estão muito bem de vida.

Os mais antigos costumam dizer que seus pais não permitiam que fossem para escola, falavam que não havia necessidade de estudar pois iriam trabalhar na lavoura por exemplo. Definitivamente esse tipo de pensamento destrói qualquer expectativa de melhora financeira.

As dificuldades para os menos favorecidos serão maiores, as circunstâncias vão desanimar. Exemplo disso pode ser a dificuldade em um transporte ou salários baixos, que quase sempre não dão para pagar as contas. Mas o pior pode ser a falta de incentivo.

Acima de tudo, sonhe, esqueçam as dificuldades diárias e acredite que tudo é possível, as vezes só vai exigir um pouco mais ou bastante esforço da sua parte.

Não sei lidar com dinheiro, gasto demais!

Pessoas ricas também gastam muito, a diferença é que possuem ótimos recursos, dessa forma seguem a vida com luxo e conforto. Ao contrário de boa parte da população, que precisa ter maior controle de suas finanças para não passar necessidades.

Fonte: Google

Estabeleça as prioridades, faça um planejamento, tenha em mente e na ponta da caneta quais são seus gastos. Portanto, elimine tudo que não for urgente, claro que muitos produtos e até serviços são essenciais para sobrevivência.

Com força de vontade, evitando compras por impulso e organização, as pessoas terão alívio financeiro. Logo, sobrando um “dinheirinho” no orçamento, possibilita a conquista de algo mais grandioso que tantos sonham.

Irei morrer e não levarei nada!

Acredite, este é o pensamento de inúmeras pessoas. Para que devo juntar dinheiro se vou morrer e deixar tudo aqui?

Que ninguém leva nada quando morre é uma verdade, mas não sabemos quando isso irá acontecer. Mesmo que para alguns faça sentido e vivem o dia de hoje como se não houvesse amanhã, preocupar se com o futuro é uma das coisas mais importantes em nossas vidas.

A grande maioria das pessoas sonham em comprar um imóvel, um carro, entrar em uma faculdade, poderia citar diversas vontades e desejos. Mas, essa crença impede que pessoas mudem e desfrutem de tantas coisas boas que a vida tem a nos oferecer.

Dinheiro não traz felicidade

O dinheiro não faz ninguém feliz, mas possibilita a compra de produtos e serviços que proporciona bons momentos. Certamente existem diversos milionários em busca da felicidade, por que sabem que estar feliz não significa ter fortuna.

Estudos comprovados mostram que quanto melhor a condição financeira de uma pessoa, ou seja, quanto mais rico for, mais feliz a pessoa será. Mas essa crença limitante que mostra o contrário, pode impedir você de ir em busca dos seus sonhos.

Entenda, essa crença que o dinheiro não traz felicidade é umas das piores e mais negativas. No entanto, você não precisa se tornar um escravo do trabalho. Logo, é possível batalhar por uma vida melhor e tirar proveito.

Buscar informações não me ajuda em nada

Investir em educação financeira ainda é um tabu em nosso país. Mas aos poucos percebemos mudanças no comportamento das pessoas. Ou seja, estão buscando cada vez mais por informações atualizadas em assuntos que, são relevantes para alcançar o sonho da independência financeira. 

Um exemplo da importância de estudar com frequência é a faixa salarial dos brasileiros nos dias atuais. Ainda mais em tempos de tanta concorrência. Percebemos isso quando uma pessoa busca por uma vaga de emprego, empresas cada vez mais exigentes. Dessa forma, irão se destacar quem estiver mais preparado.

Não queira o que é dos outros

Nos relacionamos com muitas pessoas ao longo de nossas vidas. Seja familiares, colegas de trabalho, de estudos, são muitas as pessoas que cruzam nossos caminhos.

Dentre esses, existem os bem sucedidos, alguns muito ricos, os estudiosos e inteligentes, enfim, gente de todo tipo, cada um com sua história e mérito por suas conquistas. Admirar a vida alheia, no sentido de motivação é bastante saudável, o tóxico é quando o sentimento se torna em inveja.

Fazer julgamentos sem conhecer a trajetória da pessoa é fácil. Mas não é levado em consideração as noites perdidas, feriados estudando, viagens adiadas. Ainda assim, essas pessoas são julgadas e se tornam alvos de injúrias pela posição alcançada.

Por fim, as crenças nos limitam e impedem que sejamos pessoas melhores. Assim, recomendamos que todos façam uma análise, este pode ser o momento de abandonar velhos hábitos. Afinal uma pessoa pode ter nascido pobre, isso não é uma escolha, mas a maneira de como viver só depende de cada um.

Gostou do artigo? Compartilha com seus familiares, em suas redes sociais e com os seus amigos. Leia mais informações sobre saúde financeira aqui no blog.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *