ProUni 2021; seu passaporte da o ensino superior

Muitos estudantes no ensino médio se veem preocupados como irão pagar a faculdade. No entanto, para ajudar a população o governo disponibiliza alguns programas de bolsas, como ProUni.
Anúncios


Fonte: ProUni

Antes de mais nada, o Programa Universidade para todos (ProUni 2021) é um programa de integração educacional criado pelo Ministério da Educação (MEC) em 2004. Dessa forma, tem o objetivo de ajudar os estudantes brasileiros, que não podem pagar mensalidades em universidades particulares de alcançar o sonho da graduação. Com bolsas de: 50% (parcial) a 100% (integral).

Os Candidatos aprovados no ProUni em alguma das universidades privada de ensino, ao receberem bolsas parciais. Desse modo, os alunos terão que pagar a outra metade da mensalidade. Pois estes que recebem bolsa integral não terão que pagar quaisquer taxas. As bolsas do ProUni são válidas durante todo o curso. Mas para isso o aluno deve cumprir todas as normas já existentes no programa ao longo de seus estudos.

As inscrições para o ProUni 2021, aconteceram de 12 a 15 de janeiro deste ano. Excluindo os alunos que concluíram o terceiro ano do ensino médio em 2020. Para se inscrever no ProUni, os candidatos devem fazer o último Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). Mas, devido à pandemia do COVID-19, o exame teve sua realização em janeiro de 2021.

Neste ano, o ProUni fará três edições, em janeiro, abril e junho. Em janeiro, irá se usar a anota do Enem de 2019. Assim, a bolsa permanente é uma espécie de assistência prestada aos alunos que tenham recebido uma bolsa integral do ProUni. Cujo valor máximo se iguala ao custo da Bolsa de Iniciação Científica para cobrir as despesas do aluno durante o período de estudos.

Quem pode participar do programa ProUni 2021    

Confira quais são as especificações para poder concorrer a uma bolsa ProUni; Torne-se aluno de escola pública: cursar o ensino médio em escola pública é um dos padrões estabelecidos pelo MEC. No entanto, também podem participar aqueles que estudaram em escolas privadas durante o ensino médio. Mas, neste caso, isso só vale o para os alunos que receberam bolsa integral. 

Os candidatos também devem fazer o último exame nacional do ensino médio. Lembrando que a pontuação mínima para se candidatar a uma bolsa é de 450 pontos, e a pontuação no artigo não pode ser zero. Torne-se professor em uma escola pública; Os professores de escola pública também podem se inscrever em bolsas de estudo para cursos de graduação (geralmente ensino superior e pedagogia). 

Nesse caso, não é necessária a comprovação de renda, devendo ser pessoa com atividade docente, inclusive quadro efetivo da instituição. Além disso, é necessário fazer a última versão da prova do Enem e atender ao padrão de pontuação mínima. Deficiente: o candidato deve trazer documentos comprobatórios e outros certificados de perfil pessoal e socioeconômico no momento da entrada na universidade.

Documentos necessários 

Fonte: ProUNi

Portanto, falaremos sobre os documentos necessários para conseguir uma bolsa no programa ProUni. Para se registrar no ProUni, você precisará do seu número de registro e senha mais recentes do Enem. Em seguida, você precisará preencher algumas informações sobre o seu grupo familiar. Incluindo a renda de cada pessoa (pode ser salário, trabalho autônomo, pensão, aluguel, etc.). 

O registro se faz inteiramente pela Internet, e nenhum documento se exige no momento. Porém, é muito importante ter todas as informações, pois, precisará comprovar os dados que preencheu. Mesmo se tratando da primeira e segunda chamada, ou da pessoa selecionada na vaga restante (lista de espera). Há um prazo para admissão na faculdade e uma série de informações a comprovar.

Os futuros bolsistas devem comprovar a renda de todos os membros do grupo familiar com determinado tipo de renda. Esses vouchers dependem do tipo de atividade (assalariada, autônoma, trabalhador rural etc.) O coordenador do ProUni decide quais documentos devem se forner em cada caso. Você pode ver a lista completa e todos os documentos possíveis no site do ProUni.

Conclusão

Para concluir, o ProUni 2021/1 concedeu 162.022 bolsas, das quais 75.855 de período integral e o restante em regime parcial de descontos. Oportunidade ampla é para pessoas cuja renda não seja meio salário mínimo; e parte da oportunidade é para três pessoas cuja renda não seja superior a um salário mínimo. A princípio, o prazo para confirmação é partir das informações pré-selecionadas na primeira chamada que termina no dia 27 de janeiro.

Agora, os candidatos devem definir sua posição antes do dia 3 de fevereiro; e o resultado da segunda chamada será divulgado no dia 8 de fevereiro. As oportunidades incluem bolsas parciais (equivalentes à metade da mensalidade do curso selecionado). E bem como, bolsas integrais, nas quais o governo pode usufruir de 100% das despesas com estudos. 

Gostou do nosso artigo? Então, não deixe de compartilhar em suas redes sociais, com os seus amigos e ainda com os seus familiares. Em seguida, aproveite outros conteúdos, tudo aqui em nosso blog.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *