Entenda a reação das ações da Camil, diante da queda do arroz!

Apesar de ter lucrado bastante no último trimestre, a reação das ações da Camil foi de queda recentemente. Fique por dentro!
Anúncios


reação das ações da Camil
Fonte: Google

A empresa de bens e consumo do mercado de alimentos, Camil costuma atuar tanto na comercialização como na industrialização e distribuição dos seus grãos em especial feijão e arroz. Neste contexto, diante da queda de um de seus grãos a reação das ações da Camil foi um tanto tímida, ainda segundo alguns economistas embora a queda no valor das ações seja considerada como algo negativo, existem pontos positivos na marca que pode ajudar a impulsionar as ações no mercado.

Cerca de um mês atrás, muitos investidores as ações da empresa seguiam sendo valorizadas, ou seja, com avanços de aproximadamente 2,5%. Desse modo, em seguida a Camil anunciou a aquisição da marca Seleto. No entanto, os valores não foram divulgados, contudo, com a recente queda do grão as ações da Camil começaram a cair.  

Portanto, apesar da reação das ações da Camil a brilhante estratégia da empresa em adquirir empresas como a Seleto no mês passado poderá vir a calhar neste momento. Logo, estas recentes aquisições podem resultar em uma sinergia em benefício para a empresa. Pois, além de estar listada na B3 como papel ordinário, o resultado financeiro da empresa foi positivo em 2021. 

Neste contexto, a fabricante de grão teve um lucro de R$ 106,5 milhões, portanto, a reação das ações da Camil deverá ser positiva apesar da queda repentina. Tendo em vista, que as projeções para a empresa seguem 24% acima do previsto pelos analistas da Ágora Investimentos até o final de ano.  

Aquisição da Seleto 

Neste sentido, o recente anúncio da empresa do segmento de alimentos concluiu a operação de aquisição da Seleto. Sendo assim, toda a operação foi elaborara segundo a estratégia da empresa para diversificar os seus produtos, ou seja, expandir os seus negócios e ganhar mais mercado. A fabricante de alimentos possui um histórico consistente de desenvolvimento entre as empresas do ramo que costumam fazer aquisições.  

Portanto, este foi um passo muito importante para a Camil que consiste na entrada para o mercado de café. Assim como, outras empresas pondo em prática o seu objetivo estratégico de compras de ativos e marcas relevantes no mercado de consumo da América do sul. 

Neste contexto, o Bradesco BBI expressou que está aquisição não mudou a sua opinião em relação a empresa. Desse modo, a instituição manteve a recomendação neutra para as ações da Camil, sendo o preço-alvo saindo a R$ 11. Embora, a financeira tenha declarado isto, a mesma considera a linha de aquisições da empresa estratégica e inteligente.  

Aquisição da Massas Santa Amália 

Neste sentido, outra aquisição relevante ocorreu em meados do mês de agosto desse ano, a fabricante de alimentos adquiriu a massas Santa Amália, o valor total da transação foi de R$ 260 milhões. Portanto, com mais essa aquisição as ações da empresa possuem força suficiente para passar por algumas crises ou quedas repentinas. Como, é o caso da desvalorização repentina do arroz! 

Ainda segundo, a empresa está aquisição foi feita visando a complementariedade geográfica da empresa que possui liderança em regiões com potencial necessário para potencializar as vendas da Camil. Assim como, o seu potencial de crescimento nacional. 

Logo, está operação representa um passo relevante para a diversificação e inserção da fabricante de grãos e alimentos em categorias novas. Além disso, com a compra a Camil deverá assumir por completo o endividamento da Santa Amália de R$ 150 milhões. Embora, essa dívida seja alta muitos especialistas afirmam que o anúncio foi positivo para ambos os lados.  

Reação das ações da Camil 

Fonte: Google

A reação das ações da Camil, diante da queda do preço do arroz foi bem tímida! Porém, apesar desta queda repentina a brilhante estratégia da empresa em adquirir empresas como a Seleto e a Massas Santa Amália no mês passado poderá vir a calhar neste momento. Contudo, na transação entre a Seleto e a Camil os valores não foram divulgados.  

A aproximadamente um mês atrás, alguns acionistas investiram nas ações da empresa que seguiam sendo valorizadas, ou seja, com avanços de aproximadamente 2,5%. Desse modo, em seguida a Camil anunciou a aquisição da marca Seleto. No entanto, os valores não foram divulgados, contudo, com a recente queda do grão as ações da Camil começaram a cair. 

Por fim, apesar da queda diante das recentes aquisições a fabricante de alimentos, poderá usar as fusões como sinergia para impulsionar a vendas de suas ações. Assim, a empresa voltará a ter os seus papéis valorizados; ao longo do trimestre a Camil atingiu a marca de R$ 106,5 milhões. Portanto, segundo os analistas até o final do ano a empresa deverá recuperar a valorização das suas ações.  

Gostou do nosso conteúdo? Compartilhe com seus amigos, familiares e em suas redes sociais. Em seguida, retorne ao nosso blog e aproveite nosso conteúdo sobre o universo das finanças e investimentos. Esperamos por você! Memivi; melhorando a sua vida.