10%15%20%25%30%35%40%45%50%55%60%65%70%75%80%85%90%95%100%

Tecnologia de pagamento por aproximação: Você já usou?

Segundo um estudo cerca de 48% dos brasileiros já usaram, a tecnologia de pagamento por aproximação. Fique por dentro!

Tecnologia de pagamento por aproximação
Fonte: Google

Desde que foi criada a tecnologia de pagamento por aproximação já possui um volume de movimentação no Brasil, de aproximadamente 700%. Segundo informou a Abecs – Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços no segundo semestre desse ano os brasileiros já movimentaram um montando com essa tecnologia de R$ 34,3 bilhões! 

Portanto, a tecnologia já acumula um aumento de 694 pontos percentuais na comparação anual com os demais pagamentos que já estamos acostumados a usar. Como, por exemplo o pagamento tradicional com chip e até mesmo a forma de pagamento criada praticamente na mesma época que a tecnologia do pagamento por aproximação o PIX. 

Recentemente, um estudo feito pela Digio fintech que oferece para os seus clientes cartões de crédito e demais serviços. Revelou que em 2021 aproximadamente 48% dos brasileiros já usaram a tecnologia de pagamento por aproximação. Assim sendo, essa experiência tem feito bastante sucesso porque para fazer o pagamento você só precisa encostar o cartão e pronto! 

Entretanto, algumas pessoas já se questionaram quanto a segurança da tecnologia de pagamento por aproximação. Nesse artigo, vamos saber um pouco mais sobre essa tecnologia, assim como, quais deverão ser os seus cuidados na hora de usar mais essa forma de pagamento! 

Segurança  

Ainda segundo o estudo feito pela Digio, nessa nova forma de pagamento existem algumas barreiras de segurança que protegem o consumidor. Sendo assim, ao contratar esses serviços, ou seja, quando você for fazer o cadastramento do seu cartão para que esse serviço seja liberado. Nesse sentido, o aplicativo do seu banco envia uma mensagem de autorização para que você saiba o valor e hora transação. Desse modo, antes de qualquer quantia ser paga efetivamente o dono do cartão saberá do que se trata. 

Nesse contexto, alguns especialistas explicam que ao fazer o cadastramento dos seus dados para utilização desse serviço. Ou seja, quando você cadastra a sua carteira virtual, por exemplo, será necessário informar e confirmar alguns dados como códigos entre outras etapas essenciais para evitar alguns tipos de fraudes que ocorrem! 

Todavia, no que diz respeito a transmissão de dados através do consumidor na hora do pagamento por aproximação seja no cartão; relógio ou pelo celular. Todo o processo passará por uma análise, onde alguns parâmetros do comportamento do cliente serão analisados, por exemplo: os horários que o consumidor costuma efetuar os seus pagamentos, os tipos de estabelecimentos dentre outros parâmetros que podem servir de alerta para o banco identificar se trata-se de uma fraude ou não. 

Bloqueio de serviços  

Portanto, ainda no sentido de segurança esse procedimento usado apenas quando o banco precisa bloquear o cartão para uso. Mas, isso só acontece quando o banco detecta o uso indevido do cartão de crédito, por exemplo! Sendo assim, quando o cliente erra a senha várias vezes seguidas; faz compras fora do horário que costuma fazê-lo. |

Nesse contexto, apesar de não sabermos esses parâmetros são criados para proteger tanto o correntista como a própria instituição financeira. Ainda segundo os especialistas que analisam o comportamento dos consumidores, o comportamento dos criminosos geralmente é de furtar um cartão! 

Porém, mesmo com todos esses cuidados caso você tenha sofrido alguma fraude. É muito importante comunicar o roubo ou a perda do cartão. Sendo assim, no momento em que o furto ou fraude for informado o banco ou financeira tomará as providências cabíveis nesse tipo de situação entre essas providências está o bloqueio dos serviços e do cartão temporariamente para que você não tenha mais nenhuma surpresa!

Tecnologia de pagamento por aproximação 

Tecnologia de pagamento por aproximação
Fonte: Google

Uma pergunta frequente que os consumidores acostumados a usar a tecnologia de pagamento por aproximação andam se perguntando é: como podemos nos proteger das compras em plataformas on-line que não precisam de senha? Nesse sentido, quando o cliente cai em algum golpe e comunica o seu banco. Ele poderá contestar as compras que foram feitas. Desse modo, o emissor deverá fazer uma análise do período informado pelo consumidor. 

Sendo assim, os valores serão checados em caso de identificação de comprovação de pagamento indevido. O valor, portanto, poderá ser estornado para a conta do correntista. Por isso, ressaltamos a importância de sempre checar o valor na hora de fazer o pagamento. Assim como, ficar atento no momento de digitar a senha caso você escolha o pagamento por chip, por exemplo.  

Quanto aos cuidados de quem validou a opção do pagamento por aproximação é, não deixar o seu cartão em um local de fácil acesso. Desse mesmo modo, você deve evitar emprestar o seu cartão de crédito para terceiros. Assim como, as suas informações para comprar em plataformas on-line.  

Gostou do nosso conteúdo? Compartilhe com seus amigos, familiares e em suas redes sociais. Em seguida, retorne ao nosso blog e aproveite nosso conteúdo sobre o universo das finanças e investimentos. Esperamos por você! Memivi; melhorando a sua vida.