10%15%20%25%30%35%40%45%50%55%60%65%70%75%80%85%90%95%100%

Quais testes para detectar o coronavírus possuem dedução do imposto de renda? 

Confira, quais os testes para detectar o coronavírus que possuem dedução fiscal. Fique por dentro!

declaração do IR 2022
Fonte: Google

A declaração do IR 2022 está bem perto, durante o ano de 2021 alguns gastos com testes para detectar o coronavírus representam uma despesa expressiva. Então a dúvida surge, os testes utilizados para descobrir o coronavírus pelos contribuintes ao longo de 2021 possuem dedução do Imposto de Renda?

Bem, a resposta para essa dúvida é não! Segundo informou a receita esses testes de farmácia apesar de conter nota fiscal não possui dedução. Contudo, os testes que foram realizados em laboratórios possuem dedução fiscal, mas, será necessário o comprovante de pagamento. Sendo assim, será possível deduzir da base de cálculo dos tributos de mais pagamentos médicos realizados em 2021. 

Além dos testes para detectar o coronavírus, o contribuinte poderá deduzir os gastos com alguns exames laboratoriais. Vale ressaltar que, também entram nessa lista os gastos com aparelhos ortopédicos, serviços radiológicos entre outras despesas com saúde.

Nesse sentido, alguns economistas consideram essa ideia de poder deduzir os testes para detectar o coronavírus uma excelente alternativa. Pois, ao longo de 2021 a economia do país ainda atravessa uma crise, por isso, boa parte dos contribuintes tiveram problemas financeiros. Portanto, essa dedução vai ajudar bastante os contribuintes na hora de preencher a declaração!

Gastos com a covid-19 e variantes 

Desde que a pandemia chegou por aqui boa parte dos brasileiros tiveram prejuízos, assim como, o mundo todo. Hoje, as pessoas gastam bastante nos testes de farmácia ou laboratoriais para saber se de fato estão positivos para o coronavírus ou não. Segundo um levantamento realizado por especialistas, revelou que um teste no laboratório de algumas regiões brasileiras custa R$ 150.   

Nesse sentido, visando diminuir esses gastos os contribuintes poderão declarar os testes laboratoriais para obter desconto. Vale ressaltar que, estes gastos são elevados para boa parte dos brasileiros. Pois, precisamos considerar que a crise na economia do país mais a crise no mercado de trabalho levou muitos brasileiros a diminuírem os seus gastos.  

Além da covid-19, a chegada da variante ômicron acabou deixando alguns brasileiros preocupados. Atualmente, os testes que são feitos com urgência chegam a custar cerca de R$ 700, por isso, que é muito importante informar esses gastos na declaração. Assim como os testes que são feitos em laboratórios, os testes realizados nos hospitais e clínicas no ano passado devem ser declarados!  

Como comprovar os gastos?  

Primeiramente, ao fazer a declaração de todos os seus gastos será necessário apresentar comprovantes de pagamento. Por isso, que é muito importante guardar a documentação, caso o contrário não será possível receber o reembolso das suas despesas. Visto que esses documentos são importantes, você pode guardar em uma pasta.  

Nesse contexto, ao preencher a sua declaração esses gastos com a sua saúde devem ser declarados como despesas com a saúde. Além disso, você deverá preencher o campo na declaração que indica os pagamentos realizados. Assim, para concluir as informações será necessário informar o nome do local onde o teste foi realizado e o CNPJ.  

Então, na nota fiscal deverá constar o seu CPF ou do seu dependente, vale mencionar, que esse comprovante possui a validade de cinco anos. Ou seja, caso você seja questionado pela receita sobre qualquer gasto nesse período, basta apresentar o comprovante! No entanto, como mencionei antes os testes de farmácia não possuem dedução. Pois, a legislação tributária não menciona esse tipo de gasto, sendo assim, apenas os testes realizados em clínicas, laboratórios e hospitais têm dedução no IR.  

Como declarar os testes para detectar o coronavírus? 

declaração do IR 2022
Fonte: Google

Ao preencher a declaração no modelo completo, os gastos com os testes para detectar o coronavírus você deverá preencher o espaço gastos com saúde. Vale mencionar que, no modelo completo que pode ser baixado no site da receita, esse tipo de despesa está ligada aos pagamentos realizados durante o ano.  

Sendo assim, no passo seguinte será necessário informar como o gasto foi efetuado, então, será necessário informar o nome do estabelecimento. Nesse caso, será necessário que o contribuinte saiba informar corretamente para que não haja erros futuros o CNPJ e o nome. Assim como, o valor total do da despesa para o reembolso.  

Por fim, segundo o artigo 73 da legislação do Imposto de Renda essa dedução menciona apenas clínicas; laboratórios e hospitais. Desse modo, a dedução só ocorre quando os testes são realizados nesses locais. Os exames e testes realizados esse ano, deverão constar na declaração do ano que vem. Lembre-se, de exigir a nota fiscal ela será muito importante na hora de preencher a declaração do IR.  

Gostou do nosso conteúdo? Compartilhe com seus amigos, familiares e em suas redes sociais. Em seguida, retorne ao nosso blog e aproveite nosso conteúdo sobre o universo das finanças e investimentos. Esperamos por você! Memivi; melhorando a sua vida.