Boletim Focus sobre a Selic, alta de 6,50% no fim de 2021

Segundo um Boletim Focus Sobre a Selic terá alta no final do ano de 6,50%. Fique por dentro!
Anúncios


Boletim Focus Sobre a Selic
Fonte: Google

O Boletim Focus Sobre a Selic indica alta até o fim de 2021, em meio à crise provocada pela pandemia do novo coronavírus o último boletim sobre a taxa Selic confirmou que os juros devem subir até a segunda semana do mês de dezembro. Contudo, desde a última reunião do Copom feito pelo Banco Central, houve uma elevação de 3,50 pontos percentuais para 4,25% ao ano.

Segundo economistas, devemos ter cautela pois ainda estamos atravessando uma pandemia e o ritmo de vacinação ainda é lento no Brasil. À vista disso, estes e outros assuntos do mercado financeiro serão tratados no próximo encontro do Copom que será no mês de agosto e é bem provável que novas projeções possam surgir para o fim do ano.

Mas antes de falarmos mais sobre o Boletim Focus Sobre a Selic, vamos saber um pouco mais sobre a taxa Selic que guia todas as operações da economia do país que incluem juros, como por exemplo aplicações financeiras; financiamentos e empréstimos. Sendo assim, quando a taxa Selic é colocada sobre os outros juros praticados no Brasil os juros tendem a subir. Por mais simples que pareça, este processo não acontece de forma arbitrária. 

Apesar do Boletim Focus Sobre a Selic, os economistas do setor ainda apostam que este aumento será de 0,75 pontos no mês de agosto o que levaria a taxa para 5,00 pontos percentuais. Ainda vale ressaltar que a dica dos economistas é para que os investidores continuem atentos com relação ao mercado que está em constante mudança. Leia mais abaixo!

A Pressão inflacionária continua

Em um paralelo feito pelos analistas, está é a 11ª projeção feita para medir o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo-IPCA apenas este ano, que atualmente é de 5,82% para 5,90 pontos. Contudo, para o ano de 2022 a Selic permanece estável em 3,78 pontos percentuais, tendo em vista à expectativa de que praticamente todos os brasileiros estejam vacinados e a economia do país volte a se estabilizar.

À vista disso, o setor segue ajustando para cima a perspectiva para o crescimento do Produto Interno Bruto-PIB. Logo, as projeções para o aumento da atividade em 2021 subiram mais uma vez apresentando 4,85 pontos. Já para o ano de 2022, a previsão teve uma redução de 2,20% para 2,10%.

Por sua vez, o câmbio não sofreu alterações recentemente. Já as projeções para o dólar caíram de R$ 5,18 para cinco reais e dez centavos. Entretanto, a previsão para a moeda no mês de dezembro de 2022 segundo economistas segue o mesmo de R$ 5,20. Assim como, a Selic devemos esperar as seguintes movimentações do mercado financeiro que está em constante movimento.

Confira mais detalhes sobre o Boletim Focus Sobre a Selic e demais projeções

Os analistas que foram consultados pelo BCB para compor a edição do Boletim Focus Sobre a Selic, elevaram as expectativas em relação a taxa de 6,25 para 6,50%, na segunda alta consecutiva desta vez para a inflação deste ano de 5,82 a 5,9%.

O que precisamos entender é que, estas projeções estão sendo feitas em meio a pandemia da covid-19 que desde o seu início derrubou o Produto Interno Bruto-PIB no ano passado e desencadeou a crise financeira mundial, levando a volatilidade do setor. Embora ainda haja crise, a economia tem apresentado uma forte reação nos últimos meses.

Principalmente, após a recuperação ainda lenta das atividades mundiais e o aumento dos preços das commodities, que são produtos básicos como alimentos; petróleo e minério de ferro. Portanto, para o ano de 2022 o mercado financeiro manterá em 3,78 pontos percentuais, mas, a meta seja de 3,50 pontos segundo economistas.

Demais projeções

Boletim Focus Sobre a Selic
Fonte: Google

A meta inflacionária do Brasil é fixada pelo Conselho Monetário Nacional-CMN, para poder alcançá-lo o Banco Central precisa reduzir ou elevar a taxa básica de juros. Ano passado pressionado pelos preços dos alimentos, o IPCA ficou em 4,52 pontos acima do centro de meta para 2020, esta já é a maior inflação desde de 2016

Já a estimativa para a moeda americana para o final deste ano recuou para o valor de R$ 5,10. Já para o ano de 2022 a moeda permanecerá estável. A balança comercial, para o resultado total de exportações menos as importações, em 2021 subiu de US$ 68 bilhões para US$ 68,70 o que significa um resultado positivo.

Para 2022 as projeções dos analistas do setor subiram de US$ 60 bilhões para US$ 60,35 bilhões de superávit. Com relação aos investimentos estrangeiros a previsão para a entrada de investimentos estrangeiros diretos no país permanece US$ 67 bilhões, podendo mudar conforme a economia se recupera.

Gostou do nosso conteúdo? Compartilhe com seus amigos, familiares e em suas redes sociais. Em seguida, retorne ao nosso blog e aproveite nosso conteúdo sobre o universo das finanças e investimentos. Esperamos por você! Memivi; melhorando a sua vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *