Investimentos para menores de 18 anos e mais!

De acordo com a B3, os investimentos para menores de 18 anos aumentou cerca de 181%. Saiba mais aqui!

Investimentos para menores de 18 anos
Fonte: Google

Segundo uma pesquisa da B3, a quantidade de investimentos para menores de 18 anos cresceu para cerca de 181%. Ainda segundo a pesquisa, em meados do mês de março de 2020 esse número era de 11 mil crianças e adolescentes investidores. Esse movimento está cada vez mais comum no mercado financeiro. Por isso, alguns economistas reforçam a importância da educação financeira desde cedo! 

Com os avanços da tecnologia, a chegada de acionistas com menos de 18 anos está crescendo com rapidez. Hoje, as pessoas podem ter acesso ao conteúdo relacionado ao mercado financeiro com facilidade. Vale lembrar ainda, que o conteúdo sobre investimentos e finanças para os brasileiros está presente em podcasts além de plataformas voltadas para esse assunto. 

Desse modo, os investimentos para menores de 18 anos devem ser cada vez mais comuns além de fortalecer o movimento de expansão do mercado financeiro. Ainda nesse contexto, não podemos esquecer do mercado de criptomoedas que atrai tanto os novos investidores.  

Isso inclui, investimentos para menores de 18 anos como investimentos realizados por investidores mais velhos. Além disso, segundo analistas do mercado o interesse desses jovens no mercado financeiro está ligado ao trabalho dos influenciadores digitais. Ou seja, além de ter acesso a educação financeira em vários meios comunicação; as redes sociais possuem um papel importante no interesse desses jovens. Saiba mais aqui! 

Procedimento de abertura de conta na B3 

Assim como a abertura de carteira, a B3 estabelece os seus pré-requisitos para que os jovens possam começar a investir. Então, o procedimento é realizado pelos responsáveis será necessário informar os dados do jovem e de seus pais. Em seguida, uma senha será disponibilizada para a realização de operações financeiras. Ou seja, todas as transações ficam sob a responsabilidade dos pais ou responsáveis, a finalidade desse procedimento. Consiste em no cuidado da B3 em relação as transações realizadas pelos jovens.  

Além da B3, corretoras de investimentos permitem a abertura de conta para esses jovens. Entretanto, semelhante a B3 essas corretoras estabelecem que os pais fiquem com a responsabilidade de tomar as decisões relacionadas ao investimento. Ou seja, na hora de fechar e assinar o contrato, definir como será realizada a transação! 

Segundo um estudo realizado por uma gestora americana BlackRock, cerca de 37% dos brasileiros informaram que não investem no mercado por falta de informação. Ou seja, poucas pessoas tem acesso à educação financeira no país, pois, não é um assunto difundido no Brasil. Certamente você deve saber que investir não é tão complicado, não é? Ao realizar uma aplicação, você poderá aumentar os seus ganhos. Desse modo, no prazo para o resgate do dinheiro investido será possível obter mais dinheiro! 

Como investir?  

Nesse contexto, muitos economistas afirmam que não importa a idade guardar dinheiro sempre será uma excelente alternativa para o seu futuro. Além disso, para começar a realizar aplicações não há necessidade de ter grandes valores. Isso mesmo, você poderá ingressar no mercado financeiro com R$ 100,00. 

Vale lembrar que, para começar a investir ter grandes quantias de dinheiro não significa nada na verdade. O grande segredo para começar a aplicar na bolsa de valores, em qual ativo você deverá investir primeiro, além da quantia que você consegue poupar para aplicar. Portanto, quanto mais cedo você começar a realizar os seus investimentos, maiores serão os seus ganhos! 

Ainda nesse contexto segundo a pesquisa desde 2021 até 2022, a quantidade de CPFs de crianças cadastradas em contas da B3 e corretoras cresceu cerca de 65,5%. Vale ressaltar, que qualquer investidor possui a obrigação de declarar imposto de renda. Entretanto, é possível investir em renda variável através de fundos sem que seja necessário declarar. Interessante, não é?  

Investimentos para menores de 18 anos 

Outro ponto importante para que os investimentos para menores de 18 anos tenham sucesso é utilizar a diversificação. Ou seja, você deverá ter cuidado para investir todo o seu dinheiro em um único ativo. Desse modo, você poderá fluidificar os riscos em mais de um ativo, além disso, antes de investir você deverá prestar atenção ao ativo. 

Investimentos para menores de 18 anos
Fonte: Google

Assim como mencionei, esse movimento está cada vez mais comum no mercado financeiro. Por isso, alguns economistas reforçam a importância da educação financeira desde cedo! Além disso, segundo analistas o interesse desses jovens no mercado financeiro está ligado ao trabalho dos influenciadores de redes sociais. 

Por fim, mas não menos importante a educação financeira é fundamental para quem deseja entrar para o universo das finanças. Através da educação financeira, você poderá diminuir os seus gastos com mais facilidade. Além disso, estabelecer metas para os seus investimentos pode ser um bom começo! 

Gostou desse conteúdo? Acesse o nosso blog para ficar por dentro das novidades do mundo das finanças. Esperamos por você! Memivi.