Mercado das moedas digitais: projeções do bitcoin em 2022. 

Acompanhe as projeções do mercado das moedas digitais para esse ano. Fique por dentro!

projeções do bitcoin em 2022
Fonte: Bitcoin

A propensão alta a longo prazo do bitcoin está correndo o risco de ser invalidada segundo alguns gráficos. Essa é uma das consequências das fortes pressões que a moeda vem sofrendo, ou seja, esse é um dos fatores que podem ocorrer nas vendas da criptomoeda. Assim como, você pode observar o mercado das moedas digitais possui os seus altos e baixos.  

Recentemente, os Indicadores Média Móveis Convergente e Divergente –MACD relacionado ao bitcoin caiu para zero. Assim sendo, indicando uma tendência de aumento para queda considerando o gráfico de preço de longo prazo.

Vale ressaltar que, há um sinal de venda no MACD por mês, entretanto, ainda não existe a confirmação. Nesse sentido, o sinal de venda comprovaria a tendência de queda caso haja a confirmação a moeda sofrerá uma queda de aproximadamente US$ 37.400.

Assim como esse resultado, em relação ao Bitcoin podem ocorrer com outras moedas. Por isso, que os especialistas alertam os investidores com relação ao mercado de moedas digitais! 

Pois, o mercado de moedas digitais costuma oscilar com frequência, inclusive, até pouco tempo o bitcoin era negociado a menos de US$37.400.

Segundo um estudo do JPMorgan cerca de 41% dos investidores da criptmoeda acreditam que ele poderá se recuperar em um curto espaço de tempo. Desse modo, o bitcoin poderá passar a valer até o final desse não aproximadamente US$60 mil. 

Saiba mais a seguir.

Tendência para 2022 no universo das criptomoedas 

Assim como, os outros criptoativos passam por vários altos e baixos apesar desse indicador de queda. O bitcoin não deixará o seu posto de criptoativo mais poderoso do mercado digital, além do bitcoin. Hoje, existem outras moedas que tem ocupado um lugar de destaque nesse mercado como Avalanche; Axie Inifinity entre outras.  

Ainda nesse sentido, outra tendência que vem forte em 2022 certamente são os tokens de crédito de carbono. Algumas empresas e investidores estão mais comprometidos com a conservação do meio ambiente. Sendo assim, esse tipo de investimento vem crescendo com uma velocidade inesperada, porém, a notícia vem sendo muito bem recebida no mercado. Vale ressaltar que, vários traders seguem investindo fortemente nesse tipo de criptoativo. 

Além desses ativos, os faz tokens vem fazendo um enorme sucesso entre as torcidas, lembrando que esse ativo foi elaborado para que os torcedores pudessem comprar os ativos dos seus clubes do coração.

Ademais, as NFTs que tiveram destaque durante o ano passado devem continuar a expandir o seu mercado! Portanto, essas tendências devem continuar a se estabelecer e crescer durante esse ano.  

Crise global 

Apesar das projeções positivas para esse ano, o bitcoin enfrenta o seu terceiro mês consecutivo de perdas. Sendo esse resultado preocupante em relação a uma nova crise mundial de políticas monetárias. Portanto, a moeda digital bitcoin que está sendo negociada a US$ 36.960 registrou uma queda no mês de janeiro desse ano de aproximadamente 20%.

Ainda segundo dados da CoinDesk revelou uma queda de 7 pontos percentuais no mês de novembro do ano passado. Nesse sentido, essa convergência é impulsionada pelos fatores ligados a macroeconomia em especial os aumentos esperados pelo aperto do Fed e das taxas em 2021.

Vale ressaltar que, o paralelismo desses meses entre o S&P 500 e o BTC chegou a marcar 65%. Recentemente, o Fed em uma nova reunião abriu caminho para a retirada de estímulo rápido no mercado de moedas digitais.

Então, alguns bancos de Wall Street entre eles o Goldman Sachs determinou ao menos cinco aumentos de taxas de vinte e cinco pontos-base. Desse modo, segundo especulações outros Banco Centrais devem seguir o mesmo exemplo do Fed.  

Mercado das moedas digitais 

projeções do bitcoin em 2022
Fonte: Bitcoin

Portanto, o ano começa com uma oscilação bem intensa no mercado das moedas digitais. Pois, com a pressão do aumento das taxas nos valores anunciados pelos bancos centrais. Como resultado poderemos ver uma alta nas taxas para poder ajudar as moedas nacionais diante do dólar.  

Como mencionei antes, essa pode ser uma das consequências das fortes pressões que a moeda vem sofrendo, ou seja, esse é um dos fatores que podem ocorrer nas vendas da criptomoeda. Assim como, você pode observar o mercado das moedas digitais possui os seus altos e baixos o que é comum nesse mercado. 

Por fim, será necessário observar os indicadores dos criptoativos que se baseiam nas médias móveis.  apesar de serem menos confiáveis do que os fatores fundamentalistas ou macroeconômicos. No entanto, antes de tomar qualquer precaução será necessário observar o mercado. Contudo, dados os fatores da macroeconomia a tendência aponta uma possível nova queda em meados de 2022.  

Gostou do nosso conteúdo? Compartilhe com seus amigos, familiares e em suas redes sociais. Em seguida, retorne ao nosso blog e aproveite nosso conteúdo sobre o universo das finanças e investimentos. Esperamos por você! Memivi; melhorando a sua vida.