Novo superciclo de commodities, queda nos valores do minério!

Apesar haver expectativa entre os mercados sobre um Novo Superciclo De Commodities, os analistas do UBS indicam queda nos preços. Saiba mais!
Anúncios


Novo Superciclo De Commodities
Fonte: UBS

A expectativa com relação ao um possível Novo Superciclo De Commodities, tem deixado o mercado financeiro agitado. Contudo, os analistas do UBS indicam o contrário tendo em vista a queda nos valores de minério de ferro e o rebaixamento do Rio Tinto. Segundo economistas o último Superciclo De Commodities ocorreu no ano de 2008.

Com a quebra do banco Lehman Brothers no Estados Unidos e depois que empresas de petróleo começaram a dar suporte para os ganhos do mercado no mês de abril de 2020, os economistas do setor acreditaram estar surgindo uma nova ascensão de Commodities. Pois naquela época a “maré” dos rendimentos e de inflação parecia estar mudando.

Entretanto, com a chegada da pandemia do novo coronavírus veio a crise financeira e o cenário mudou completamente. Desse modo, um suposto Novo Superciclo De Commodities está longe de acontecer. Sendo assim, os analistas da UBS indicam que o rebaixamento de uma gigante da mineração como a Rio Tinto justifica que o valor do minério de ferro se aproxima de uma inflexão.

Ainda segundo os analistas, a chance de um Novo Superciclo De Commodities, está descartada por hora, devido as cotações do minério de ferro que subiram de US$ 80 a tonelada para aproximadamente US$220. Contudo, existe a possibilidade de que elas possam cair até 50%, acredita-se que os problemas de ofertas no Brasil, começaram após a tragédia da barragem de brumadinho em Minas Gerais.  Leia mais abaixo!

O que dizem as duas maiores produtoras de minério de ferro do mundo?

Os impactos da pandemia e a crise na economia mundial, tornaram o ano de 2021 desafiador para as duas mineradoras do mundo, tendo em vista o clima adverso e o impacto de desafios operacionais. No primeiro semestre deste ano a Vale produziu menos minério do que o esperado.

As exportações da Rio Tinto foram afetadas pelo clima mais do que o normal, fazendo com que o preço do minério de ferro US$ 180 a tonelada a maior cotação já vista desde o mês de maio de 2011. Sendo assim, o setor se encontra relativamente apertado. Logo, as projeções para a produção anual de commodities da Vale; ANZ Banking e Rio Tinto são de uma recuperação lenta. 

Segundo um analista da Rio Tinto este semestre foi um tanto “medíocre”. Pois, as estimativas dos analistas da empresa indicam uma produção anual de 340 milhões de toneladas que se encontra sujeita aos riscos logísticos ligados a operação de 90 milhões de toneladas de reposição da capacidade. isto porque o ciclone tropical trouxe prejuízos nas operações portuárias da mineradora no mês de abril, contribuindo para o rebaixamento de suas ações atualmente.

Sinalização contrária dos analistas com relação ao Novo Superciclo de Commodities

Os problemas de oferta do minério de ferro no Brasil, foram agravados pela pandemia do novo coronavírus, contudo, segundo analistas do banco suíço esta situação segue sendo trabalhada para que em breve o quadro seja revertido e então poderemos ter um Novo Superciclo de Commodities. À vista disso, a China atua com o objetivo de contar a valorização das commodities.

Sendo assim, os chineses seguem vendendo reservas domésticas e pressionando agentes do mercado para que não elevem ainda mais os preços e a situação saiam do controle. Ainda segundo os economistas apontam que os estoques de minério de ferro na China estão em alto no momento.

Ainda segundo análises feita pelos economistas, a longo prazo existe a probabilidade latente de que as principais mineradoras: BHP; Rio Tinto e Vale, aumentem ainda mais a oferta. Esta seria uma estratégia de estabilizar o mercado, já a China propôs a utilização de sucata de aço e também a construção de uma rodovia em Guiné com o objetivo de tornar o país africano mais um exportador de minério de ferro até o fim da década.  

Novo Superciclo De Commodities
Fonte: Google

Commodities

Na prática commodities, são matérias-primas necessárias para o consumo humano, podendo ser estocadas sem que percam a sua qualidade, as commodities são produzidas em larga escala igual a soja; o café; a carne; o petróleo por exemplo. com a finalidade de comercialização no mercado mundial.

Logo, se tratam de produtos que chamam a atenção de investidores mais experientes, uma vez que a demanda costuma variar entre as commodities. Pois, estas ações são negociadas na bolsa e dessa forma os seus preços são padronizados, apresentando variações que estão baseadas tanto na oferta como na procura do mercado internacional.

Atualmente existem estas classificações de commodities: commodities agrícolas, que englobam produtos oriundos do agronegócio como por exemplo açúcar e trigo. Já as commodities ambientais são ligadas ao meio ambiente que incluem vários recursos naturais como: madeiras; energia; água entre outros recursos. Ainda existem commodities financeiras e minerais.

Gostou do nosso conteúdo? Compartilhe com seus amigos, familiares e em suas redes sociais. Em seguida, retorne ao nosso blog e aproveite nosso conteúdo sobre o universo das finanças e investimentos. Esperamos por você! Memivi; melhorando a sua vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *