Como organizar as finanças no início de 2021.

Estamos nos últimos dias de 2020 e diante disso algumas pessoas traçaram metas para o ano que vem, mas para alcançá-las alguns cuidados devem ser tomados ainda este ano.
Anúncios


Fonte: Google

Primeiramente, para começar o ano novo e saber como organizar as finanças , é preciso fazer o bom e velho orçamento pessoal, e essa organização não começa no mês de janeiro, mas bem antes.

Porém, no final do ano que a maioria das pessoas se atrapalham e já iniciam o ano seguinte devendo demais.

Isso devido as comemorações que todos conhecem, amigo oculto no trabalho, em família, dos amigos, presentes de Natal, gastos com as ceias, decorações e muito mais.

No entanto as despesas do ano seguinte como, IPTU, IPVA, material e matricula escolar dentre outros, por boa parte dos consumidores ocorrem de se esquecerem.

Anúncios


Pensando nisso, fizemos este artigo dando dicas de como não se complicar em 2021 e até alcançar os objetivos planejados.

Como organizar as finanças em 2021.

Em primeiro lugar não gaste o 13º salário. A maioria das pessoas não sabem usar de forma correta o salário extra no final do ano. Isso no caso daqueles que têm algo para receber pois, é comum empresas que fazem o adiantamento de parte ou todo o 13º para os funcionários.

Portanto, certos cuidados são importantes no uso desse dinheiro; sendo assim, analise com cuidado os gastos nesse período. Defina os presentes estabelecendo as pessoas que irá presentear e o quanto pretende gastar com cada um; reserve uma parte para alguma emergência e não esqueça que o valor do 13º salário pode aliviar nas despesas no começo do novo ano.

Anúncios


Orçamento pessoal

Anúncios


A princípio, este parece um assunto “batido”, porém organizar os gastos mensais e anuais, é fundamental para uma vida melhor, afinal não é nenhuma novidade que a falta de dinheiro e o endividamento leva as pessoas ao desespero e até depressão.

Como organizar as finanças: Planejamento

Antes de mais nada, é preciso se livrar das dívidas. Por isso, se deve controlar os gastos de final do ano, principalmente compras com cartão de crédito.

Então evite gastos desnecessário, assim como as compras parceladas, e se tiver débitos efetue o quanto antes os pagamentos.

Anúncios


Para quitar as dívidas, faça um levantamento veja todos os débitos, confira taxas de juros e tente negociar da melhor maneira. Lembre-se que é de interesse do credor receber o valor em aberto.

Planilha

Primeiramente, para organizar as finanças, faça sempre o controle em uma planilha do Excel. Desse modo, inclua os gastos fixos e não esqueça de considerar as despesas variáveis. Que geralmente são as datas comemorativas, aniversario de familiares e amigos, dia dos pais e outros, pois caso esses itens não sejam levados em consideração, provavelmente o orçamento ultrapasse.

Como organizar as finanças: Estabeleça metas reais

Antes de fazer planos, analise toda situação para que o projeto seja executado. Por exemplo, estabeleça prazo, gastos e tenha disposição. Afinal é comum pessoas que traçam metas impossíveis de alcançar com tempo estabelecido ou salário que recebe. Por isso, crie objetivos reais, para não desanimar na metade do caminho.

Anúncios


Corte gastos

Fonte: Google

É importante fazer o levantamento de alguns gastos que passam despercebidos no orçamento pessoal.

Anúncios


Como um plano de internet que está sendo pago, e trabalhando de home office, assinatura de TV que quase nunca é utilizado.

Além dos desperdícios diários com conta de energia, comida e outros itens, sendo que com um pouco de esforço pode diminuir as despesas do mês.

Anúncios


Fonte de renda

Diante da crise causada pela pandemia, os brasileiros estão sentindo no bolso. Com salário aumentando pouco devido o índice de reajuste não acompanhar outros que atualizam os alimentos e aluguel por exemplo, o resultado é o poder de compra cada vez menor.

Sendo assim, para diminuir esses impactos no orçamento, uma opção é buscar por uma fonte de renda extra.

Impactos negativos da inflação

A inflação tem impacto direto na economia do país, e na vida das pessoas, além disso é considerado por muitos especialistas o pior imposto para sociedade e pode ser devastador.

Anúncios


Parece exagero, mas quem presenciou o período de inflação descontrolada nos anos 90 tem noção da gravidade.

Sendo assim, inflação em alta não permite planejamento, realizar compras a prazo, e organizar a vida financeira, pois a taxa de inflação é o aumento generalizado nos preços de forma persistente.

Anúncios


Para entender melhor podemos usar o exemplo da Venezuela, onde a taxa de inflação é algo em torno de 1 milhão de porcento.

Anúncios


Isso significa que o dinheiro do país não tem valor, e o governo não consegue atender as necessidades básicas das pessoas como alimentação decente.

Por isso é importante conter certos gastos, economizar ao máximo, e fazer reserva de emergência para não ser pego de surpresa, principalmente em momentos de crise como o que o mundo vive hoje.

Logo, um bom orçamento mensal é algo que deve ser prioridade na vida de qualquer pessoa.

Anúncios


Gostou do artigo? Compartilha com seus amigos, em suas redes sociais e ainda com os seus familiares. Não esqueça de ler outros artigos sobre o assunto aqui no blog.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *