Educação financeira no Brasil: entenda a sua importância!

Educação financeira no Brasil, organize e planeje as suas finanças para fechar o mês no azul. Fique por dentro!
Anúncios


Educação financeira no Brasil
Fonte: Google

Ter controle sobre todas as suas despesas mensais, fazer comparação da renda fixa e identificar cortes que podem ser feitos para que o dinheiro possa render mais, são hábitos que ganharam muita força em meio a pandemia do novo coronavírus. Tendo em vista as incertezas e o alto índice de desemprego, aprender mais sobre educação financeira no Brasil, se tornou fundamental para manter o equilíbrio melhor sobre as suas finanças.

Um estudo feito por analistas no início de 2021, revelou que cerca de 47% dos entrevistados passaram a planejar melhor as suas finanças, devido à crise financeira e aproximadamente 90% dos brasileiros assumiram ter a necessidade de entender mais sobre educação financeira.

 A educação financeira no Brasil nunca foi tão importante como atualmente, pois, trata-se de um conceito que se resume a instrução das pessoas em relação à gestão da sua renda, de forma que ela se torne mais consciente e competente na administração de suas finanças.

Principalmente em tempos de crise financeira, precisamos considerar os riscos, fazer escolhas que tragam retorno positivo nos investimentos, por isso, para poder investir de forma assertiva é preciso ter noções de educação financeira.

Portanto, com base nestes aspectos a educação financeira no Brasil deverá ajudar a formar cidadãos mais comprometidos com as suas finanças e consequentemente com o futuro e a sustentabilidade da sociedade como um todo. Vale ressaltar que, educação financeira não serve para apenas para abordar assuntos complexos sobre economia como por exemplo, fundos de reserva e aplicações na bolsa, educação financeira também se trata de situações do cotidiano e da forma como você usa o seu dinheiro.

Saiba mais a seguir.

Entenda a importância da educação financeira para a sua vida

A educação financeira, é necessária tanto para o progresso econômico como para o progresso social de um país e no Brasil não poderia ser diferente! Uma população com noções de educação sobre as suas finanças, saberá como agir em relação aos seus gastos administrando melhor o salário que ganha, passando a entender de maneira mais ampla como o mercado financeiro funciona assim como, a economia do seu país.

Muitos governos, iniciativas privadas e associações começaram a investir em programas de educação financeira para que a população tivesse uma conscientização melhor sobre a importância do gasto consciente.

Colocando em prática o aprendizado investindo mais, por exemplo. Ações iguais a esta ajudam a evitar que a população se endivide, o que pode prejudicar a economia de um país, visto que, se boa parte da população estiver com dívidas a economia ficará mais lenta ou até mesmo entrar em crise, porque o dinheiro não rende, trazendo dificuldades e desvalorização da moeda.

Análise da educação financeira no Brasil

Com a pandemia, cerca de 90% da população passou a entender a importância da educação financeira no Brasil. Segundo um estudo feito pela Associação de Educação Financeira do Brasil-AEF-Brasil revelou que em aproximadamente 5 anos, o interesse dos brasileiros pela educação sobre as suas finanças teve um aumento de 72% em todos os estados do país.

Além da pandemia que trouxe, muitas lições os responsáveis pela evolução e interesse da população foram as instituições de ensino que incluíram o tema na grade curricular, ou seja, nas aulas. Portanto, este assunto vem sendo discutido desde 2010, ano em que a educação financeira ganhou notoriedade e espaço com o programa de Estratégia Nacional de Educação Financeira- ENEF.

No ano de 2017, o tema passou a ser de interesse nacional, com a aprovação da Base Nacional Comum Curricular-BNCC, trata-se de um documento do Governo Federal que conduz as diretrizes de ensino no Brasil.

Sendo assim, desde 2020 todas as escolas passaram a ter educação financeira como ensino obrigatório, não só em matemática, mas em todas as áreas que envolvem o tema.

Os maiores desafios para o Brasil atualmente

Educação financeira no Brasil
Fonte: Google

Um dos desafios mais preocupantes em relação à educação financeira no país, é o nível de educação geral. Contudo, o grau de escolaridade dos brasileiros não é o único obstáculo por aqui, segundo alguns economistas, um dos maiores desafios para o desenvolvimento e entendimento da educação financeira, é fazer com que o tema se adéque à realidade de cada região.

Desse modo, considerando as classes sociais variadas, escolaridade, fontes de renda e perfis de consumo e também à cultura local, estas informações precisam se integrar para a eficácia da metodologia, ou seja, para que a metodologia de fato funcione.

Ainda segundo os economistas, tendo em vista o interesse dos brasileiros pela educação financeira os benefícios para a nossa economia devem surtir efeito em médio prazo, poderemos então começar a colher os frutos da educação financeira no país, com uma sociedade consciente de seus recursos, poderemos criar uma sociedade mais sustentável.

Gostou do nosso conteúdo? Compartilhe com seus amigos, familiares e em suas redes sociais. Em seguida, retorne ao nosso blog e aproveite nosso conteúdo sobre o universo das finanças e investimentos. Esperamos por você! Memivi; melhorando a sua vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *