Vacinas estrangeiras, uma promessa em meio a pandemia

O medo, o desespero, muitos sentimentos assombraram a vida de muitas pessoas ao redor do mundo e consequentemente dos brasileiros.
Anúncios


Fonte: Google

Antes de tudo, a promessa de uma vacina, sejam elas vacinas estrangeiras ou nacionais, era o que trazia em partes uma sensação de alívio para a vida das pessoas. Empresas brasileiras e ao redor do mundo prometeram entregar uma vacina eficaz contra o vírus e a espera só aumentou. Uma promessa em meio a pandemia, as vacinas tomaram conta da esperança de muitos. Com a chegada do vírus desconhecido, a vida de muitas pessoa tomaram rumos bastante diferentes, pessoas acabaram perdendo o emprego, famílias se acabaram.

Com a implantação do isolamento social, muitas pessoas deixaram de se ver, famílias até hoje estão distantes; de idosos isolados em casa, filhos fazendo homenagens em suas portas. Assim, a vida dos cidadãos começou a tomar um novo rumo.

Com isso, crescia o anseio por uma cura para o vírus; algo que fizesse com que toda essa distância acabasse e todos pudessem matar a saudade. Muitas empresas brasileiras começaram a fazer promessas em relação a uma vacina, a confiança não era tanta. Mas as vacinas estrangeiras começaram a tomar a esperança de muitos.

É sobre esse assunto que vamos discorrer nesse artigo, esperamos que você possa esclarecer várias dúvidas em relação ao assunto. Vamos lá!?

CORONAVÍRUS NO BRASIL

A pandemia do novo coronavírus surgiu na China no mês de Setembro no ano de 2019, logo se espalhou para o mundo inteiro e em Fevereiro de 2020 teve seu primeiro caso confirmado no Brasil. Medidas foram tomadas, mas não o suficiente para segurar a chegada do vírus no país.

Assim, o novo coronavírus logo ganhou o país inteiro e os casos só faziam aumentar, deixando a população cada vez mais horrorizada e apavorada com toda a situação em que o país se encontrava.

Logo o país começou a chegar perto em números dos países que mais tinham casos no mundo inteiro. Assim, milhares de pessoas começaram a morrer, os hospitais super lotados, estruturas acabadas e falta de leitos, fez com que vários pacientes não resistissem aos sintomas do novo coronavírus.

Atualmente, o país já registrou mais de 230.000 vidas perdidas para o vírus, a média móvel de morte no Brasil é de 1.068 mortes, acupando assim a sétima maior média desde quando iniciou a pandemia.

VACINAÇÃO NO BRASIL

Acima de tudo, a vacinação contra o vírus Covid-19 já iniciou no Brasil e quase 5 milhões de brasileiros já tomaram  a primeira dose da vacina. Exatamente, 155.652 cidadão já tomaram as duas doses da vacina no país e mais de 4 milhões já tiveram a vacina aplicada, sendo ela a primeira dose.

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) fez vários testes com as vacinas que poderiam se usar no Brasil. Dessa forma, o órgão declarou no dia 11 de Fevereiro de 2021 que em menos de dois meses já pode liberar as vacinas da Biontech e Pfizer para uso em toda a população.

Bem como, nos dias de hoje, mesmo com todo esse número de imunizados, o país está apenas vacinando uma parte de toda a população, as pessoas dos grupos de risco, dos grupos prioritários. Com isso, a Anvisa pretende acelerar ainda mais a autorização de vacinas para o uso em massa.

VACINAS ESTRANGEIRAS

Atualmente, segundo dados divulgados pela OMS (Órgão Mundial da Saúde), existem exatamente 165 vacinas sendo estudadas e desenvolvidas em todo o mundo. Assim, mesmo com toda essa quantidade, o que todos querem saber é quando todas essas vacinas chegarão para todos.

Vamos conhecer algumas dessas vacinas estrangeiras:

Fonte: Google

Vacinas estrangeiras: Oxford / AstraZeneca

Uma das primeiras vacinas em estado de teste no país. A Oxfordse baseia em uma versão mais leve do vírus causador de uma gripe muito comum em animais como chimpanzés, esse chamado de CHAdOx1. Assim, esse vírus usado teve que ser geneticamente modificado para que infectasse pessoas.

Assim, esse vírus faz o corpo produzir uma proteína também existente no coronavírus e faz com que as células humanas não sejam infectadas. Também é importante informar que a AstraZeneca prometeu produzir mais de 2 bilhões de doses.

Moderna

Mais conhecida como RNA mensageiro, a empresa desenvolveu uma vacina com essa técnica com bastante inovação. Vejamos que essa vacina foi desenvolvida com uma parte genética do coronavírus, enquanto tantas outras usaram até mesmo vírus mortos, atenuados. Desde a sua produção, os Estados Unidos da América garantiram 100 milhões de doses.

Sinovac

Causadora de tanta polêmica, a vacina chinesa mais conhecida como CoronaVac, foi desenvolvida através de cópias de vírus mortos. Isso, com a tentativa de fazer com que o corpo humano criasse anticorpos suficientes para manter o vírus neutralizado. A empresa Sinovac tem sua sede na cidade de Pequim e prometeu produzir mais de 100 milhões de doses.

Para finalizar, deixamos aqui a nossa contribuição para a construção do seu conhecimento, esperamos que tenha gostado. Se sim, pode compartilhar esse artigo com todos os seus familiares e amigos e depois volta para conhecer mais conteúdos pertinentes ao seu conhecimento. Estamos te esperando.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *