Como ser um investidor e mudar de vida!

Os primeiros passos para se tornar um investidor. Saiba como funciona e comece agora uma transformação de vida.
Anúncios


Fonte: Google

Antes de tudo, mudar de vida é algo que muita gente almeja, sair do sufoco e quem sabe até sobrar algum valor no final do mês. No entanto, essas mudanças depende de certas atitudes, muito particular de cada pessoa. Dessa forma, as escolhas determinam o futuro, e podemos ver as pessoas progredindo e ficar lamentando, ou optar por uma transformação de vida e dar o primeiro passo. Vamos mostrar como ser um investidor, com valores baixos, e que cabem no seu orçamento pessoal.

O que você precisa saber antes de começar investir, Para muitas pessoas, investimento é por exemplo a compra de um terreno, “comprei para investir”, não deixa de ser, afinal está adquirindo um bem. Mas os investimentos que iremos tratar, são aqueles que possui rendimentos mensais. E para isso será necessário entender todo funcionamento e fazer um bom planejamento financeiro.

Como ser um investidor: Perfil do investidor

Identificar o perfil de investidor é ter mais segurança e pode contribuir para que as aplicações possam proporcionar melhores resultados.

* Conservador:

O investidor com esse perfil não gosta de correr riscos, e não se importa com retornos menores, pois prioriza a segurança.

São indicados investimentos em fundos DI, CDB, LCI e LCA, além de Tesouro Direto.

* Moderado:

Assim, o perfil moderado se preocupa com a segurança e tenta controlar ao máximo as perdas, e visam sempre equilíbrio.

Para este perfil são indicados os fundos imobiliários, fundos multimercados e fundo de ações.

* Agressivo:

Perfil agressivo corre mais riscos e busca sempre por maior rentabilidade, a longo prazo. No entanto, os riscos são altos, e estão sujeito a grandes perdas. Geralmente são investidores em ações.

Escolha da corretora

A princípio, para dar início aos investimentos, será preciso abrir uma conta em alguma corretora de valores. Existem teste para identificar o perfil de investidor e todo suporte dos profissionais muito bem preparados.

Cuidados ao escolher a corretora:

Fonte: Google
  • Confira no site da BM&F Bovespa todas as corretoras e a reputação de cada uma.
  • Verifique todos os serviços que são prestados e também procure se informar quanto ao atendimento.
  • Confira os preços das taxas, como taxa de administração, taxa de custódia, de performance e outras.
  • Compare os preços das tarifas com outras corretoras de acordo com os serviços prestados.
  • Escolha a corretora que preste contas, e encaminhe relatórios. 

Como ser um investidor: Seus objetivos

Estabeleça metas, tenha objetivos e estes podem ser a curto, médio e longo prazo, o importante é ter foco e não desistir no meio do caminho.

Esses objetivos pode ser a compra de um carro, fazer a viagem que sempre sonhou, ou pensar no futuro mais a longo prazo, como garantir a educação dos filhos ou preparar a aposentadoria sem depender da previdência social.

Como ser um investidor: Entenda os componentes

Ficando claro quais os objetivos, é importante agora buscar por uma aplicação que atenda suas expectativas.

Conheça as três características dos investimentos:

Liquidez: A capacidade do investimento se converter em dinheiro. Ou seja, a rapidez que o investidor consegue se desfazer de um ativo, para ter o valor em mãos.

Deixar o dinheiro na poupança por exemplo, é investimento de renda fixa e que pode se resgatar a qualquer momento. E são considerados produtos de alta liquidez.

Risco: é a probabilidade de perda, ou seja, quando maior for o risco maior a chance de o investidor perder dinheiro. Portanto, investidores considerados agressivos, correm mais risco, como no caso de investimento em ações.

Rentabilidade: É quanto o investimento da de retorno. Quando falamos de investimento, pensamos em bons resultados, ou seja, melhores retornos, mas a rentabilidade pode não acontecer e a aplicação dar prejuízos.

Exemplo disso, são as ações de uma empresa quando despenca, as pessoas que tem ações em sua carteira de determinada empresa perde dinheiro.

Como investir em ações

Pessoas que nunca fizeram nenhum tipo de investimento.

Primeiro saiba a definição de Bolsa de Valores. No Brasil é conhecida como B3, trata se do local de negociações, onde os investidores realizam compras e vendas de títulos.

A sugestão é estudar bastante, buscar pelo máximo de informações. Não são poucas as pessoas que têm uma quantia e resolve “brincar” de investidor e perde tudo em poucas horas.

  • Abra uma conta em boa corretora;
  • Defina os objetivos;
  • Tenha um bom Planejamento;
  • Escolha as ações;
  • Acesse a plataforma da corretora ou Home Broker;
  • Por fim, enviar a ordem de compra da ação.

Esses são os primeiros passos, e não indicamos que principiantes se arrisque tanto.

Os investidores na B3, e que conseguem bons resultados, são bem informado e experientes, sabe tudo a respeito das empresas, estruturas, gestão, consegue analisar os resultados, enfim, conhece tudo desse mercado.

Conclusão

Investir na bolsa não é para amadores, não da para contar com a sorte.

Comece por um bom planejamento, se organize financeiramente, antes de mais nada tenha um fundo de emergência, ou seja, tenha sempre um valor reservado para algum imprevisto.

Gostou do artigo? Compartilha com seus amigos, em suas redes sociais e ainda com seus familiares. Leias mais sobre o assunto aqui me nosso blog.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *