Afinal, será que vale a pena investir em imóveis?

O mais tradicional dos investimentos no Brasil, e que tem frustrado muita gente nos últimos anos. Se tem um dinheiro que não utiliza, porque não investir?
Anúncios


Fonte: Google

Antes de mais nada, saiba como investir em imóveis em nosso artigo. Fique por dentro das dicas!

Com o passar dos anos, um país que era totalmente rural, se evoluiu e tornou cada vez mais urbano.

Entretanto, com essa evolução as propriedades foram se valorizando cada vez mais. Pois, onde não havia “nada” começou a ter ruas asfaltadas, acesso ao comercio, entre outras melhorias.

Por isso, toda infraestrutura que é agregada a um terreno, trás valorização. Somando todos esses processos, houve então enriquecimento do país.

Logo, muitos investidores começaram a pensar em como ganhar dinheiro, e desde sempre, viram a oportunidade de investir em imóveis.

No passado, as propriedades eram avaliadas com um preço bem acessível, onde muitas pessoas adquiriram vários terrenos, pois sabiam que seria cada dia mais valorizado.

Neste artigo daremos dicas de como ganhar dinheiro com imóveis! Veja mais.

O que é investir em imóveis?

Quando se fala em investimentos em imóveis, pode ser tanto para ganho de capital, ou seja, comprar  barato para vender mais caro. Também para ter lucro com uma renda que esses imóveis podem gerar, através de aluguel, que é a forma mais comum.

Inclusive, é assim que muitos investidores tradicionais fazem até hoje. E constróem fortunas investindo em imóveis.

Outro detalhe, algumas pessoas se sentem melhor investindo em um bem físico do que  aplicando em ações por exemplo.

Mas, outras pessoas não se sentem à vontade para investir em imóveis, justamente porque, pode gerar uma certa dor de cabeça.

Um imóvel quando não está alugado, pode se tornar um passivo e gerar problemas, com um custo a mais para o investidor.

Sobre as taxas de juros

Atualmente a taxa de juros está muito baixa, por isso a  preocupação de como fazer o dinheiro render mais. Taxas de juros baixa, significa rendimentos em renda fixa,  também menores.

Mas esquecemos que existe diversas aplicações que pode render muito mais.

Uma delas, é o próprio investimento imobiliário, e pode ter bons rendimentos.

 Portanto, existem algumas formas de fazer muito dinheiro nesse mercado, em que se consegue comprar os próprios imóveis, só que, com muitos descontos.

Contudo, nesse artigo vamos mostrar como aproveitar desse momento para investir em um ativo, que tende a se valorizar com a queda da taxa de juros.

Fonte: Google

Inclusive, é possível conseguir descontos de 30, 40 e até 50% do valor do imóvel.

Por que imóvel se valoriza quando a taxa de juros cai?

Vamos pensar: Se a taxa de juros sobe, o que acontece?

Este fator faz com que o financiamento do imóvel fique mais caro. Portanto, juros e inflação baixos é um bom momento para financiamento de um imóvel.

Por outro lado, fazer empréstimo com o banco, em um momento de taxa de juros em alta, as parcelas tendem ficar maiores. Muitas vezes, são parcelas  a longo prazo e com valor que pesam no orçamento.

Além disso, quando a taxa está alta, o banco cobra mais,  devido às garantias que exige do cliente. O risco de inadimplência é maior, ou seja, fica mais caro e menos gente compra.

Mas, o que acontece quando da taxa de juros cai?

O crédito fica mais barato, por isso é mais fácil alguém financiar um imóvel, as parcelas irão ficar menores.

Com as taxas baixas, esse tipo de  investimento fica mais atrativo, e o mercado terá mais compradores.

Como investir em imóveis na prática?

Há três formas de investir no mercado imobiliário.

A primeira, são os investimentos em fundos imobiliários, que é basicamente, a compra com preços menores.

A outra maneira, é a forma tradicional, através de pagamentos à vista. A terceira opção é adquirindo um imóvel adjudicado.

De forma simples, é quando alguém compra uma propriedade do banco, que havia sido de outra pessoa que não pagou o financiamento Entenda melhor o que acontece quando alguém não paga o financiamento:

Esse imóvel volta para o banco, portanto, nesse momento o banco fica com um patrimônio e não tem o dinheiro.

Isso faz com que, o banco precise  “desovar” esses ativos que voltaram, então, vende o imóvel mais barato, pois são imóveis adjudicados.

O mercado imobiliário é um mercado que se beneficia da queda da taxa de juros. Portanto, estude cada detalhe e faça bons rendimentos.

Conclusão

A expressão, “quem compra terra não erra” é bastante clichê, mas investimentos em imóveis, seja em fase de crise ou de momento da economia. Pode ser boa opção principalmente para as pessoas que buscam por segurança.

Mas o mercado de investimentos é amplo e vale a pena aprofundar e quem sabe correr um pouco mais de riscos.

Gostou do artigo? Compartilha com seus amigos, em suas redes sociais e ainda com os seus familiares. Não esqueça de ler outros artigos sobre o assunto aqui no blog.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *