Despesas fixas e variáveis, compreenda as diferenças entre elas

Despesas fixas e variáveis, você não sabe a diferença entre elas? Quer descobrir quais são? Continue aqui conosco e saiba tudo!
Anúncios


despesas fixas e variáveis
Fonte: Google

Não é uma novidade para ninguém que saber diferenciar os tipos de despesas é elas são algo importantíssimo para manter uma saúde financeira. Mas será que todo brasileiro sabe reconhecer as diferenças entre as despesas fixas e variáveis? Nós imaginamos que não. Afinal somos um país com milhões de endividados. Portanto, só isso já demonstra a deficiência do país em tratar do assunto amplamente.

Porém, não queremos dizer que o motivo da inadimplência do brasileiro seja motivado exclusivamente pela não diferenciação das despesas fixas e variáveis. Longe disso, sabemos que outros fatores influenciam diretamente na construção de uma negativação. Por exemplo; o desemprego inesperado, o empréstimo do cartão de crédito, cheque especial entre outros. Logo, para além dos fatores inesperados, saber diferenciar os tipos de despesas pode ser a saída para o problema.

Sendo assim, para evitar possíveis problemas no seu dia a dia, incluindo o já citado, nós decidimos criar este conteúdo para te ajudar a compreender melhor sobre o assunto. Mas não pense que ao entender a diferença entre despesas fixas e variáveis você estará livre de problemas financeiros. Não!

Contudo, esse será o seu primeiro passo para conquistar uma saúde financeira mais estável e conseguir chegar mais forte e preparado(a) quando as adversidades surgirem. Além disso, não se limite a aplicar a diferenciação das despesas apenas na sua vida pessoa.

Pois a técnica de diferenciação de despesas fixas e variáveis é aplicada também no ramo empresarial – empreendedor. Portanto, para conquistar essa solidez na área financeira, siga lendo nosso conteúdo e nos acompanhe nos próximos tópicos.

As despesas em seu orçamento financeiro

Receita! Uma palavra muito importante para que você possa compreender o conceito de economia. Receita engloba tudo aquilo que faz parte da sua conta bancária ou não, seja ela uma conta corrente tradicional ou conta digital grátis. Assim, o valor total do seu saldo em conta forma a receita. Mas cuidado, não é a mesma coisa para as despesas.

Isso mesmo, saber diferenciar a receita das despesas já se torna um ponto essencial na criação de uma vida financeira saudável. Afinal, não adianta apenas economizar se você não sabe como se organizar. Sendo assim, para ilustrar o fundamento de despesas, podemos exemplificar aquelas diárias. Ou seja; aluguel de imóvel, apartamento ou sala, parcela de financiamento do carro, moto e ou empréstimo pessoal ou consignado. Entre outros vários.

Portanto, sempre que pensar em “despesas” pense em retiradas. Dessa forma, sempre que efetuar o pagamento de algo, não importa se no cartão de débito ou cartão de crédito, será uma despesa. Assim, quando você assume um pagamento por período – diário, mensal, trimestral ou anual, será contado como dívida.

Despesas fixas e variáveis, sua diferença e impacto no orçamento

despesas fixas e variáveis quais as diferenças
Fonte: Google

O nosso ponto chave é entender como elas funcionam e como podem impactar na sua receita – seja mensal ou anual. Por isso, agora que você consegue entender o que são as despesas, chegou o momento de encarar suas espécies.

Nesse sentido, podemos definir despesas fixas como; uma dívida de valor permanente e independente do uso ou da quantidade por um serviço ou bem. Por exemplo; ao CONTRATAR um plano de saúde ou de banda larga ilimitada, todos os meses até o final do contrato será pago um fixo mensal. Desse modo, não podemos mensurar se você usou muito ou pouco, mas simplesmente paga o valor acertado.

Logo, no caso das despesas variáveis; o pagamento pode até ser mensal, anual ou fixo – isso mesmo, mas o valor cobrado sofre variação no uso conforme o consumo. Ou seja, sua conta de luz ou água, ao contratar existe o valor mínimo cobrado, contudo dependendo do consumo mensal, você poderá pagar mais que o valor mínimo.

O impacto das despesas fixas e variáveis na economia

O impacto das despesas na sua receita econômica pode ser gigantesco quando elas apresentam variações sem controle. Assim, sem saber o que se paga ou quanto se paga pode acabar com sua vida financeira. Afinal, sem controle, com certeza, virá a inadimplência.

Por isso, sempre que for adquirir uma nova despesa avalie todas as outras já contratadas. E isso não vale apenas para os gastos mensais, os diários são os piores. Desse modo, os gastos com alimentação diária são os maiores lastros para uma boa economia. Por isso, para te ajudar a enfrentar os desafios das despesas fixas e variáveis indicamos o uso de aplicativos. Como: GuiaBolso, Minhas finanças entres outros.

Por fim, após escolher um App para controlar sua receita, utilize benefícios de empresas digitais para reduzir seus gastos. A exemplo das contas digitais, como; Nubank. Banco Inter, SuperDigital, Banco Neon e outros. Com certeza você terá uma redução em taxas bancárias.

Gostou do nosso conteúdo? Compartilhe com seus amigos, familiares e em suas redes sociais. Em seguida, retorne ao nosso blog e aproveite nosso conteúdo sobre o universo das finanças e investimentos . Esperamos por você! Memivi; melhorando a sua vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *